Porto Alegre

22ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, sábado, 21 de Outubro de 2017

  • 05/08/2015
  • 14:02
  • Atualização: 16:19

Keith Richards chama álbum dos Beatles de “lixo”

Guitarrista também falou sobre ressentimento de ex-baixista da banda, Bill Wyman

Guitarrista também falou sobre ressentimento de ex-baixista da banda, Bill Wyman | Foto: Keith Richards / Instagram / CP

Guitarrista também falou sobre ressentimento de ex-baixista da banda, Bill Wyman | Foto: Keith Richards / Instagram / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

O guitarrista Keith Richards, dos Rolling Stones, fez duras críticas ao álbum "Sgt. Pepper's Lonely Hearts Club Band", dos Beatles, lançado em 1967 e considerado um dos melhores albuns de todos os tempos. Em uma entrevista à revista Squire, ele afirmou que “os Beatles eram ótimo quando eram os Beatles”, mas que no disco em discussão não havia muito deles na música. “Eu acho que eles se empolgaram. Se você faz parte dos Beatles nos anos 1960, você apenas se deixa levar. Algumas pessoas pensam que é um álbum genial, mas eu acho que é uma monte de lixo”, explicou o músico, que comparou o disco do quarteto de Liverpool com "Their Satanic Majesties Request", dos Stones.

• Novo disco de Richards terá rock, blues, country e reggae

Em outra parte da entrevista, o guitarrista falou sobre o baixista Bill Wyman, que deixou a banda em 1993. Ele teria se queixado sobre uma placa na estação de Dartford, onde Richards conheceu Mick Jagger. "Mick no outro dia veio até mim e disse, 'Você acredita nessa m*, cara? Bill Wyman está reclamando sobre a placa na estação de Dartford'", afirmou o guitarrista. "Eu disse, 'Uma placa? Pensei que tínhamos uma estátua.'" (A placa foi posteriormente retirada e será substituída por um tributo reformulado para a banda.)

Bill Wyman teria ficado ressentido com a ideia de que o guitarrista e Jagger foram considerados os fundadores dos Stones. "Bill não estava lá quando a banda foi formada", disse. "Ian Stewart formou a banda (e) nós gravitávamos em torno dele. Bill era peculiar, um filho da p* engraçado... Eu acho que Mick enviou uma carta falando sobre isso, porque Bill veio de uma cidade chamada Penge. 'Bill se há uma placa na estação de trem de Penge dizendo que você foi um membro fundador dos Roling Stones, você acha que nós reclamaríamos?' Mas Bill, nós amamos você, meu caro, e ele foi um baita baixista. Nós não dissemos para ele ir embora”.