Correio do Povo | Notícias | Homenagem à Maria Bethânia em Porto Alegre tem ingressos esgotados

Porto Alegre

21ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, sexta-feira, 16 de Novembro de 2018

  • 03/11/2015
  • 16:36
  • Atualização: 17:32

Homenagem à Maria Bethânia em Porto Alegre tem ingressos esgotados

Arlindo Cruz, Zélia Duncan e João Bosco são alguns dos que participam do encontro

Apresentação ocorre neste domingo no Araújo Vianna | Foto: Roberto Filho / Divulgação / CP

Apresentação ocorre neste domingo no Araújo Vianna | Foto: Roberto Filho / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Neste domingo, o Araújo Vianna (Osvaldo Aranha, 685), em Porto Alegre, será palco para um projeto pra lá de especial. Serão celebrados os 50 anos de carreira de Maria Bethânia, em um show-homenagem que traz, além da própria cantora, Arlindo Cruz, Chico César, João Bosco, Zélia Duncan e Camila Pitanga. A apresentação inicia às 20h e os ingressos já estão esgotados. 

O encontro integra o Prêmio da Música Brasileira, que acontece todo ano e está em sua 26ª edição. A escolha dos convidados e dos números foi baseada na trajetória artística de Maria Bethânia e em todo o universo de referências que a rodeia.

A ligação da cantora com o samba e os temas ligados à religiosidade refletem na figura de Arlindo Cruz, que recentemente compôs um samba em sua homenagem. Por questões de agenda, Lenine e Chico César vão se revezar. O primeiro cantará em Belo Horizonte e Brasília e o segundo fica com Porto Alegre e Recife. Gravados por Bethânia nos últimos anos, eles representam a ligação da cantora com as raízes nordestinas e interioranas. 

A dramaticidade de Bethânia – conhecida como a mais teatral das cantoras – será sublinhada nos números de Zélia Duncan e Camila Pitanga. José Maurício Machline convidou Zélia após assistir ao aclamado Totatiando, espetáculo que misturava teatro e música para celebrar a obra do compositor Luiz Tatit. Já Camila Pitanga – que fez algumas participações como cantora em projetos especiais – vai se apresentar para o grande público pela primeira vez. 

Homenageado do Prêmio da Música Brasileira em 2012, João Bosco fará releituras de outros clássicos do repertório da intérprete em seu violão. Admirador confesso de Bethânia, ele costuma compará-la a uma sereia, imagem que aparece na canção Morena do Mar, de Dorival Caymmi, compositor muito presente em seu repertório.

A cenografia da turnê inclui painéis com referências ao repertório da cantora, além de imagens raras destas cinco décadas de carreira, que serão reproduzidas em um grande telão.