Correio do Povo | Notícias | Restinga é bicampeã do Carnaval de Porto Alegre

Porto Alegre

22ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quarta-feira, 19 de Dezembro de 2018

  • 21/02/2012
  • 17:00
  • Atualização: 20:30

Restinga é bicampeã do Carnaval de Porto Alegre

Briga durou até a última nota e diferença para a segunda colocada foi de um décimo

  • Comentários
  • Wagner Machado / Correio do Povo

Com a diferença de apenas um décimo, o enredo em homenagem aos vinhos brasileiros conquistou os jurados cariocas e garantiu a Estado Maior da Restinga o título de bicampeã do Carnaval de Porto Alegre, com 238,3 pontos. A tricolor da zona Sul tem motivos de sobra para festejar a conquista. Primeira a entrar no Complexo Cultural Porto Seco, na segunda noite de desfiles do Grupo Especial, a Tinga fez uma apresentação de “encher os olhos”. Com belas fantasias e alegorias luxuosas, a escola retratou o tema “Da mitologia à realidade, a Tinga de taça na mão! Vinhos do Brasil, sinônimo de qualidade, saúde, prazer e prosperidade!” e levantou a arquibancada. A colisão do terceiro carro alegórico contra uma grade lateral não comprometeu o espetáculo.

Com um desfile impecável, a Imperadores do Samba sagrou-se vice-campeã, com 238,2 pontos. A vermelho e branco, que encerrou a competição do Especial, deixou o Porto Seco como favorita ao título. A agremiação sacudiu as arquibancadas com o enredo “Imperadores apresenta Paulo Paim: Um leão na luta, que faz o bem sem olhar a quem”. Chamou atenção a perfeição das alegorias e o elevado número de componentes nas alas da vice-campeã.

A Império da Zona Norte ficou em terceiro lugar, com 237,4 pontos. A Protegidos da Princesa Isabel, de Novo Hamburgo, que havia assegurado um lugar junto à elite em 2011, volta para o Grupo A.

Membros da escola de samba Estado Maior da Restinga comemora a vitória / Foto: Paulo Nunes

No Grupo A, a  Academia de Samba Praiana foi a vencedora e voltou à elite do Carnaval da Capital. Com 158,8 pontos, deu à volta por cima, depois do rebaixamento considerado injusto no Carnaval passado. A escola entrou no Complexo Cultural do Porto Seco com o enredo "Do paraíso aos sete pecados capitais, Praiana mostra sua ira". O Império do Sol ficou em segundo lugar, com 157,3 pontos, e Sampa Puro em terceiro, com a mesma pontuação. Com 152,8 pontos, a escola Realeza caiu para o Grupo de Acesso.

A Unidos do Guajuviras, de Canoas, foi a campeã do Grupo de Acesso, com 157,3 pontos. Com o tema: “O jogo vai começar, sou mais Guajuviras”, a escola, fundada em 1991, garantiu seu lugar no Grupo A no Carnaval de 2013. Em segundo lugar ficou a Unidos do Capão, com 156,4 pontos, e em terceiro a Acadêmicos da Orgia, com 156,2 pontos.

Bookmark and Share