Correio do Povo

Porto Alegre, 24 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
20ºC
Amanhã
11º 22º


Faça sua Busca


Arte & Agenda > Variedades > Música

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

07/01/2014 08:06 - Atualizado em 07/01/2014 08:47

Alex Alano faz temporada de shows em Porto Alegre

Músico se apresenta todas as terças, às 21h, no Meme Santo da Casa

Alano mostra canções novas nas terças de janeiro no Meme<br /><b>Crédito: </b> Mirian Nascimento / Divulgação / CP
Alano mostra canções novas nas terças de janeiro no Meme
Crédito: Mirian Nascimento / Divulgação / CP
Alano mostra canções novas nas terças de janeiro no Meme
Crédito: Mirian Nascimento / Divulgação / CP

O músico Alex Alano apresenta o seu novo trabalho “Elípticas - um Delírio Ovoide D'aprés Colombo” nas terças-feiras de janeiro, sempre às 21h, no Meme Santo de Casa (Lopo Gonçalves, 176), em Porto Alegre. Seus parceiros de palco são Alex no violão e voz, César “Ratão” Moraes no baixo, violão e vocais e Giovanni Berti nas percussões e vocais.

O show será um mix de seu mais recentes disco, “Redondas”, com canções novas. As composições novas seguem o mesmo caminho estético proposto no disco anterior. 'É mais do mesmo, porém diferente. “Como reza uma destas canções, “O Novo de Colombo”, a gente não vai reinventar a roda, mas estamos sempre procurando um jeitinho de deslizar mais gostoso”, afirma o músico. “Estas músicas andam “me freqüentando”, precisava colocá-las no ar, e esta foi a forma que encontrei para mostrá-las e refrescar um pouco o espetáculo nesta temporada de entressafra e férias em Porto Alegre”, completa o compositor.

Alano lançou o disco solo “Redondas”, em 2012, depois de duas décadas gravar o primeiro. Desde 2004, ele cantava no grupo Cidade Baixa - projeto dos compositores Fausto Prado e Caetano Silveira que já lançou três CDs e conquistou o Prêmio Açorianos de Melhor Disco de MPB em 2009. Alano fez sua estreia fonográfica em 1988, com “Canibal”, trabalho autoral que contou com a participação de grandes instrumentistas como Alegre Corrêa, Gringo Saggiorato e Guinha Ramirez. Entre 1998 e 2003, o músico esteve à frente da Venerável Lama como cantor, compositor e guitarrista.

Bookmark and Share


Fonte: Correio do Povo







O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.