Porto Alegre, sábado, 25 de Outubro de 2014

  • 20/04/2014
  • 11:38
  • Atualização: 12:05

Festival Internacional de Teatro de Rua começa neste domingo

Espetáculos ocorrem em Porto Alegre até 29 de abril

Serpentes que fumam de companhia de Brasília é uma das atrações | Foto: Taina Lacerda / Divulgação / CP

Serpentes que fumam de companhia de Brasília é uma das atrações | Foto: Taina Lacerda / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Vera Pinto / Correio do Povo

Dois grupos internacionais, cinco nacionais e 17 locais participam, com 23 peças em 60 sessões, do 6º Festival Internacional de Teatro de Rua de Porto Alegre, que começa neste domingo com performances na periferia e uma oficina direcionada a artistas.

Coordenado pelo ator e diretor Alexandre Vargas, o evento ocupará diversos espaços abertos e fechados, até 29 de abril, homenageando postumamente o ator e músico Caio Gomes, ex-Ói Nóis Aqui Traveiz e Povo da Rua e fundamental para o teatro de rua feito aqui.

Em que lugar físico, geográfico, afetivo e mental se encontra o teatro de rua no Brasil? A partir desta questão foram estabelecidas as bases para a criação do evento, em 2009, explica Vargas. "Até hoje o processo que surge da relação e idiossincrasias dos artistas com a cidade mantém a reflexão crítica, o olhar atento e a percepção aguçada sobre a cidade como princípio, interlocução e fim", diz.

O ponto alto será na próxima sexta, quando as ruas do Centro serão tomadas por 17 espetáculos. No sábado, 13 delas se deslocarão para os bairros, e domingo, das 10h às 20h, para o Brique da Redenção. "Bivouac", da Generik Vapeur (França), é versão moderna de uma horda primitiva, com atores com rostos pintados de azul que avançam rapidamente, rodando barris, com um cão metálico incandescente. Em "A Sagração da Primavera", de Roger Bernat (Espanha), encenação sobre a coreografia de Pina Bausch e música de Igor Stravinsky. Os espectadores ganharão fones de ouvido. As demais atrações estão no site www.ftrpa.com.br.

Bookmark and Share


TAGS » Teatro, Variedades