Porto Alegre, segunda-feira, 22 de Dezembro de 2014

  • 29/04/2014
  • 17:12
  • Atualização: 17:22

Egito recupera antiguidades roubadas do Museu do Cairo em 2011

Furto ocorreu durante revolta que derrubou o presidente Hosni Mubarak

  • Comentários
  • AFP

O Egito encontrou 10 antiguidades roubadas do Museu do Cairo durante a revolta que derrubou o presidente Hosni Mubarak, no início de 2011, incluindo uma estátua coberta de ouro do faraó Tutancâmon. O anúncio foi feito nesta terça-feira pelo ministro das Antiguidades, Mohamed Ibrahim, que confirmou a também a entrega de duas estátuas dos filhos da rainha Nefertiti.

Além disso, o Egito recuperou uma estatueta de Tutancâmon criança. Durante a revolta de 2011, uma estátua de uma deusa segurando Tutancâmon criança foi encontrada com o rosto arranhado, e sem o jovem faraó. O museu possui agora as duas peças que compõem a estátua.

O Museu Egípcio possui peças de valor inestimável, incluindo o tesouro funerário de Tutancâmon e muitas múmias da realeza. Cerca de 100 mil peças estão expostas em suas centenas de salas e 50 mil outras permanecem guardadas.

O museu foi roubado em 28 de janeiro de 2011, durante os violentos confrontos opondo as forças de ordem aos manifestantes que exigiam a saída do ex-presidente Hosni Mubarak na praça Tahrir. De 54 itens levados, apenas 35 foram recuperados até agora. 

Bookmark and Share


TAGS » Egito, Antiguidades