Porto Alegre, quarta-feira, 22 de Outubro de 2014

  • 16/05/2014
  • 10:09
  • Atualização: 10:28

Programação intensa movimenta Palco Giratório do Sesc

"Qualquer Coisa a Gente Muda" traz homenagem aos 66 anos que Angel Viana dedicou à dança

´Qualquer Coisa a Gente Muda´traz plateia e Angel Vianna no mesmo espaço | Foto: Palco Giratório Sesc / Divulgação / CP

´Qualquer Coisa a Gente Muda´traz plateia e Angel Vianna no mesmo espaço | Foto: Palco Giratório Sesc / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Na programação do Palco Giratório Sesc tem bate-papo e espetáculos em várias linguagens. O Pensamento Giratório "Desnudando o Texto", com o ator e diretor gaúcho Alexandre Vargas e o grupo Teatro Nu, no Café Sesc Centro (Alberto Bins, 665), em Porto Alegre, será às 17h. O grupo trouxe ao festival "Sargento Getúlio", a partir do romance de João Ubaldo Ribeiro e direciona o trabalho à relação do ator com o texto.

No Renascença (Érico Veríssimo, 307), em Porto Alegre, a Cia. do Latão faz última sessão de "Círculo de Giz Caucasiano", às 19h. Sérgio de Carvalho dirige dez atores e Cau Karam como músico convidado, na montagem com narrativas concêntricas, escrita por Bertolt Brecht em seu exílio nos EUA. No mesmo endereço, mas na Sala Álvaro Moreyra, 20h, o coletivo As Travestidas encena "Uma Flor de Dama", a partir do texto de Caio Fernando Abreu. Silvero Pereira representa uma noite na vida de um travesti, desde o camarim à preparação para um show, passando pelas ruas, onde se prostitui, até a "saideira", em um bar, onde fala sobre vida, escolhas, amores, desejos e ódio.

"Qualquer Coisa a Gente Muda" é um experimento coreográfico pelos 85 anos de Angel Viana, 66 dedicados à dança. Ela participa da montagem na plateia e no palco, com Maria Alice Poppe, nesta sexta e sábado, às 21h, no Teatro Museu do Trabalho (Andradas, 230), em Porto Alegre.

Bookmark and Share