Correio do Povo

Porto Alegre, 27 de Agosto de 2014


Porto Alegre
Agora
7ºC
Amanhã
18º


Faça sua Busca


Arte & Agenda > Variedades > Moda

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

22/06/2014 13:35 - Atualizado em 22/06/2014 13:37

Desfile em Milão mostra tendências de grandes marcas

Cores escuras, roupas clássica e a modelagem reta para homens que prezam pela funcionalidade e praticidade

Cores escuras, roupas clássica e a modelagem reta para homens que prezam pela funcionalidade e praticidade<br /><b>Crédito: </b> Tiziana Fabi / AFP / CP
Cores escuras, roupas clássica e a modelagem reta para homens que prezam pela funcionalidade e praticidade
Crédito: Tiziana Fabi / AFP / CP
Cores escuras, roupas clássica e a modelagem reta para homens que prezam pela funcionalidade e praticidade
Crédito: Tiziana Fabi / AFP / CP

Dolce&Gabbana usa influências espanholas em sua amada Sicília entre 1516 e 1713, Versace veste seus musos com togas romanas e seus colegas continuam decididamente modernos no primeiro dia dos desfiles de verão prêt-à-porter masculino em Milão.

Na Ermenegildo Zegna, Stefano Pilati escolheu a arquitetura, principalmente da ilha grega de Paros, e arranha-céus como fonte de inspiração, em silhuetas longilíneas acentuadas por listras verticais, onipresentes na coleção. Feitas como um meio de "ilustrar um exercício de estilo no qual a formalidade e o lazer respiram o mesmo ar lânguido apropriado para o verão", são verdadeiras fantasias.

A calças são altas e as blusas mais baixas, com tiras que caem descuidadosamente sobre os quadris, como que para parecerem mais finos. Em muitos looks os lenços de seda de estampa Paisley, fechados em volta do pescoço, se unem às golas das camisas. A paleta de cores é escura, clássica e a modelagem reta para um homem Zegna que preza pela funcionalidade e praticidade, para quem a roupa "incarna as estruturas sociais, a lógica do negócio". Costume National: um pouco mais de ousadia surgiu no desfile da Costume National, pensado pelo estilista Ennio Capasa, inspirado pelo rock e os anos 70, de uma "elegância livre".

De Mick Jagger a David Bowie, de Lou Reed a Bob Dylan, de John Lennon a Jimmy Hendrix e Keith Richard, o homem deve se "libertar dos esquemas e dos clichês, surpreendido por um canto de liberdade". Com um toque de pele e couro, as cores mates predominaram os looks: muito azul, do claro até quase roxo, vermelho até tijolo, além do branco da cabeça aos pés. Os lenços aparecem pendurados nos pulsos ou nas jaquetas, abertos, sem nada por baixo. Os tecidos - viscose, crepe da China - dão às jaquetas "bikers" um ar vintage, charmoso.

Dolce&Gabbana

No cenário de Las Ventas, em Madri, entre castanholas, boleros e touradas, Domenico Dolce e Stefano Gabbana deixaram um pouco de lado a renda em um desfile de verão cheio de "olés". Seus modelos desfilaram roupas de toureiro, como calças no meio das panturrilhas com bordados em preto que não deviam nada a José Tomas ou Jesulin de Ubrique, toureiros espanhóis.

Em uma blusa ampla de seda com mangas três quartos, aparece uma Virgem de la Macarena ou um toro, além de pois grandes pretos em fundo vermelho ou vice-versa, em looks de três peças. Les Hommes: Tom Notte e Bart Vandebosch defendem uma "elegância urbana" e um "gosto pelo aço" usando como inspiração as esculturas do artista americano Richard Serra, visando uma moda esportiva transformada em sofisticada.

Assim a dupla faz uma combinação muito chique com cores escuras, do azul petróleo ao preto, com toques de amarelo, além de tecidos com brilhos e neoprene. As bermudas aparecem acima dos joelhos como shorts e os modelos desfilam penteados no estilo rockabilly, com blusas ampla e mangas curtas com listras horizontais.

Versace

Normalmente conhecida como "bling bling" (estilo de ostentação de diamantes e muito ouro), mas dessa vez muito sóbria, a coleção hiper masculina de Donatella Versace, que assume que "ama os homens", traz a elegância dos looks brancos em blusas, jeans e até sungas.

A inspiração romana apareceu em saídas de praia reproduzindo togas e camisetas feitas de rede. Destaque também para a combinação blazer e calça fluida em tons de areia, vistos em outras coleções, mas que fizeram grande presença na passarela Versace. Os desfiles continuam nesta domingo, com as passarelas de Bottega Veneta, Salvatore Ferragamo, Vivienne Westwood, Missoni e Prada.


Bookmark and Share


Fonte: AFP





» Tags:Moda Variedades

O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.