Porto Alegre, quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

  • 04/07/2014
  • 17:07
  • Atualização: 17:12

Roman Polanski quer filmar parte do caso Dreyfus na Polônia

Segundo a imprensa polonesa, o diretor já alugou um apartamento na Cracóvia

  • Comentários
  • AFP

O diretor de cinema franco-polonês Roman Polanski poderá rodar na Polônia uma parte de seu filme sobre o caso Dreyfus, anunciou o encarregado da organização dessa nova produção, Tomasz Dabrowski. "Polanski gostaria de filmar na Polônia, país ao qual está muito apegado", disse Dabrowski à AFP.

"Até o momento, a decisão definitiva (sobre a filmagem na Polônia) não foi tomada ainda. Depende, sobretudo, dos assuntos judiciais relacionados com a ordem de captura americana emitida por um tribunal da Califórnia" contra Polanski, explicou. O diretor, de 80 anos, foi detido na Suíça em 2009, em cumprimento de um mandado de prisão emitido nesse caso e que o obrigou a viver, durante um ano, em prisão domiciliar.

Em 2010, a Justiça suíça decidiu não extraditá-lo para os Estados Unidos. O chamado caso Dreyfus (1894-1906) dividiu profundamente a sociedade francesa em torno da acusação de traição contra o capitão Alfred Dreyfus, um judeu francês originário da Alsácia, finalmente declarado inocente.

O roteiro desse filme de suspense é uma adaptação do livro do romancista Robert Harris. O orçamento está estimado em US$ 47 milhões. Segundo a imprensa polonesa, Polanski já alugou um apartamento na Cracóvia.

Bookmark and Share