Correio do Povo | Notícias | Musical com Hugh Jackman enfoca início do showbizz americano

Porto Alegre

19ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, domingo, 21 de Outubro de 2018

  • 23/12/2017
  • 10:39
  • Atualização: 10:42

Musical com Hugh Jackman enfoca início do showbizz americano

Filme "O Rei do Show" entra em cartaz nas telas brasileiras a partir desta segunda, dia 25 de dezembro

Hugh Jackman interpreta o visionário empresário criou o chamado circo moderno | Foto: Fox Film / Divulgação / CP

Hugh Jackman interpreta o visionário empresário criou o chamado circo moderno | Foto: Fox Film / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Entre as atrações que chegam aos cinemas neste feriado está o filme “O Rei do Show”, com exibição a partir do dia 25 de dezembro. Com direção de Michael Gracey, “O Rei do Show” é um musical que celebra o nascimento do show business, enquanto uma indústria criativa que emprega artistas de diferentes talentos.

O protagonista é P.T. Barnum, interpretado com maestria por Hugh Jackman, visto que este é um ator completo (no sentido de que passou pelo teatro e é daqueles que, além de atuar, também canta e dança). De origem humilde e desde a infância sonhando com um mundo mágico, P.T. Barnum desafia as barreiras sociais se casando com uma moça mais rica (Michelle Williams) e promete a si mesmo proporcionar a ela uma vida com boa situação social. Por isso, quando ele perde o emprego, precisa encontrar uma alternativa para trabalhar. Sua ideia inicial é abrir uma espécie de museu de curiosidades. A partir daí, fatos inesperados vão acontecendo, até que ele resolve produzir um grande show estrelado por pessoas consideradas estranhas ou bizarras, muitas vezes rejeitadas em outros segmentos profissionais e sem espaço em outras manifestações artísticas clássicas. Entre eles, entram o que hoje conhecemos como os típicos personagens de circo, como anões, malabaristas e mulheres de barba.

Imaginativo e ambicioso, P. T. Barnum obteve sucesso com seu espetáculo, que se tornou uma sensação mundial. Apesar de no filme o protagonista ser apresentado em uma versão romanceada, na vida real sua biografia carrega algumas controvérsias, como ser chamado de “Príncipe do embuste” e ser acusado de ser egocentrista.

De qualquer maneira, o diretor Michael Gracey aproveitou para fazer do longa-metragem um grande espetáculo, que contra com músicas de Benj Pasek e Justin Paul (vencedores do Oscar por “La La Land”) para integrar a trilha musical do longa. O roteiro é assinado por Jenny Bicks (de “Sex and the City”) e Bill Condon (de “Chicago”), o que concedeu ao filme uma mistura de humor com o musical clássico. O elenco conta também com Zac Efron, ator com jeito de galã que costumava fazer comédias para adolescentes e aqui ganhou a chance de mostrar um pouco mais seu talento fora dos filmes bobos que geralmente faz. Também atuam no filme Rebecca Ferguson, Paul Sparks e a jovem Zendaya.

Confira o trailer: