Porto Alegre

27ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, segunda-feira, 22 de Janeiro de 2018

  • 29/12/2017
  • 14:58
  • Atualização: 15:23

Mulher é presa após destruir pinturas de Andy Warhol durante encontro

Polícia estima que danos excedem 1,5 milhão de dólares

Lindy Lou Layman é uma jornalista freelancer | Foto: Polícia de Dallas / Divulgação / CP

Lindy Lou Layman é uma jornalista freelancer | Foto: Polícia de Dallas / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Um primeiro encontro às vezes pode ter surpresas, mas um advogado texano provavelmente não esperava que o seu com uma jornalista independente terminasse com a destruição de parte de sua coleção de arte, incluindo duas obras de Andy Warhol. Anthony Buzbee jantava em sua casa com Lindy Lou Layman até que a mulher de 29 anos teria ficado embriagado e ele teria resolvido colocá-la em um Uber para que ela fosse embora. Ela teria ficado revoltada e resolvido correr de volta para a residência, jogando vinho em três pinturas antes de rasgá-las e jogá-las em duas esculturas abstratas que se quebraram. De acordo com as autoridades de Dallas, os danos excedem 1,5 milhão de dólares.

O homem chamou a políca, que prendeu Lindy por acusações de prejuízo criminal. Ela participou de uma audiência e foi liberada com fiança de 30 mil dólares. Agora, conforme relatos da imprensa local, Buzbee busca uma maneira de fazer com que ela pague pela reconstrução dos trabalhos. Ele é um advogado conhecido no meio político e foi um patrocinadores da campanha presidencial de Donald Trump. No mesmo ano, ele havia sido capa de jornais por ter estacionado um tanque de guerra na frente de sua casa.


TAGS » Gente, Arte, Variedades