Correio do Povo | Notícias | Turucutá lança projeto de financiamento coletivo nesta segunda-feira

Porto Alegre

16ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, segunda-feira, 16 de Julho de 2018

  • 08/01/2018
  • 10:36
  • Atualização: 11:31

Turucutá lança projeto de financiamento coletivo nesta segunda-feira

Grupo pede apoio, comemora dez de trabalho e promove "arrastão de carnaval" em março

Turucutá lança projeto de financiamento coletivo | Foto: Carol Góes / Divulgação / CP

Turucutá lança projeto de financiamento coletivo | Foto: Carol Góes / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

A Turucautá - Batucada Coletiva Independente lança, nesta segunda, projeto de financiamento coletivo no Catarse. A intenção é comemorar o aniversário de dez anos do grupo e promover o “arrastão de carnaval”, com festa na rua, em março.

Sem nenhum patrocínio, a Turucutá aposta na vontade de todos para viabilizar seu cortejo, no dia 18 de março, um dia depois do aniversário de dez anos. Também serão oferecidas recompensas para os apoiadores, que vão desde bottons, camisetas, lambes, oficinas e até shows. Além disso, durante os meses de janeiro, fevereiro e março a Turucutá fará vários ensaios abertos em diferentes pontos da cidade, ampliando o acesso à cultura popular. O apoio pode ser feito pelo site do Catarse.

O projeto da Turucutá Batucada Coletiva Independente começou em 2008, como um sonho criado a muitas mãos, que cresceu a partir do sentimento de corações de todas as idades, profissões, ideologias, credos e cores e vem sendo alimentado pelo trabalho e união desse coletivo. O grupo cresceu, se consolidou e hoje é presença confirmada em diversas festas, eventos e casas de shows.

O coletivo é composto atualmente por mais de 30 músicos, alguns formados na própria Oficina e outros profissionais da música. Seu repertório contém sucessos de intérpretes e compositores nacionais como Raul Seixas, João Nogueira, Wilson Ney, Tonho Crocco, Frank Jorge; e internacionais como James Brown e Amy Winehouse. A diversidade musical na identidade do grupo conta, ainda, com clássicos do samba-enredo e de outros ritmos, como baião, ijexá, jongo.