Correio do Povo | Notícias | "Ninguém tem mais medo que eu", diz Neymar sobre pressão da Copa

Porto Alegre

8ºC

Ver a previsão completa

Porto Alegre, quinta-feira, 24 de Maio de 2018

  • 16/05/2018
  • 12:27
  • Atualização: 13:12

"Ninguém tem mais medo que eu", diz Neymar sobre pressão da Copa

Jogador falou sobre recuperação da lesão e expectativa para competição

"Ninguém tem mais medo que eu", diz Neymar sobre pressão da Copa | Foto: Damien Meyer / AFP / CP

  • Comentários
  • AFP

Estrela da Seleção e do Paris Saint-Germain, Neymar reiterou o medo de não jogar bem na Copa do Mundo, após lesão que o tirou dos gramados durante três meses, e revelou estar em um momento muito difícil. "Eu sei que a galera está um pouco nervosa, mas ninguém está mais do que eu, ninguém está mais ansioso do que eu pra voltar e ninguém está com mais medo do que eu", garantiu o atacante.

Assim como confessou há alguns dias ao ex-jogador Zico, Neymar falou sobre a pressão por brilhar na Rússia-2018 após lesão no pé direito. "É um momento muito difícil, né? Acho que é um dos mais difíceis que eu já passei, por estar muito próximo a um sonho que eu tenho, que é a Copa do Mundo", revelou. Na reta final da recuperação, Neymar comanda a lisa de 23 jogadores convocados por Tite para o Mundial.

O período fora de atividade não assustou os médicos da Seleção, que contam com o camisa 10 para o amistoso do dia 3 de junho contra a Croácia. Vai ser o primeiro jogo de Neymar desde o dia 25 de fevereiro, quando fraturou o quinto metatarso do pé direito. O craque decidiu fazer grande parte da recuperação no Brasil. "Quando eu faço alguma coisa ela multiplica ou triplica. Nem Deus agradou à todos, imagina eu", comentou sobre a pressão midiática.

A reportagem repassou a carreira do jogador, que se lesionou nas quartas de final da última Copa do Mundo e não entrou em campo na histórica goleada contra a Alemanha (7-1) na semifinal. "Graças a Deus eu tenho mais essa oportunidade de tentar de ser campeão Mundial para o meu pais, que é um sonho que eu tenho desde pequeno. É meu objetivo maior, espero que seja minha Copa", concluiu.