Correio do Povo

Porto Alegre, 21 de Agosto de 2014


Porto Alegre
Agora
15ºC
Amanhã
14º 28º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

21/02/2012 18:40 - Atualizado em 21/02/2012 19:04

CSKA empata nos descontos com o Real Madrid em Moscou

Time de Mourinho desperdiçou algumas chances de gol

CSKA empata nos descontos com o Real Madrid em Moscou<br /><b>Crédito: </b> AFP
CSKA empata nos descontos com o Real Madrid em Moscou
Crédito: AFP
CSKA empata nos descontos com o Real Madrid em Moscou
Crédito: AFP

O Real Madrid sofreu um gol nos acréscimos que valeu um empate em 1-1 com o CSKA no estádio Lujniki de Moscou, nesta terça-feira em partida válida pelas oitavas de final de ida da Liga dos Campeões da Europa, e a eliminatória será decidida na capital espanhola. Os gols foram marcados pelo português Cristiano Ronaldo, aos 28 minutos do primeiro tempo, e nos descontos pelo sueco Pontus Wernbloomn (90+3).

O jogo começou com um bom ritmo, apesar do frio. Melhores tecnicamente, frente a um rival duro em algumas ocasiões, os merengues tiveram algumas chances de gol desperdiçadas, principalmente uma do argentino Gonzalo Higuaín, defendida pelo goleiro estoniano da equipe local, Sergei Chepchugov, que depois também defendeu um disparo do meio-campo alemão Sami Khedira.

Essa superioridade, lógica já que na Rússia o futebol está parado por causa do inverno, foi concretizada aos 28 minutos, quando Higuaín roubou a bola de um zagueiro da equipe moscovita, tocou para o português Coentrão, que cruzou para a zaga afastar. Cristiano Ronaldo aproveitou a sobra, batendo Chepchugov.

As equipes foram para os vestiários com um placar justo a favor dos comandados do português José Mourinho.
Como era de se esperar, os russos voltaram no ataque, dando espaços para o Real contra-atacar. Aos 8 do segundo tempo, José María Callejón quase marcou.

Dez minutos depois, foi a vez de Casillas mostrar serviço após um forte chute do nigeriano Ahmed Musa.
Faltando 25 minutos para o final, Chepchugov salvou novamente a equipe russa, primeiro em uma cabeçada de Sergio Ramos e, depois, em um chute de CR7. Mas o balde de água fria para os espanhóis veio nos descontos, quando de forma inesperada, após uma cobrança de falta que a defesa visitante não conseguiu afastar, Wernbloomn (90+3) mandou para a bola para as redes para pôr números finais ao marcador.

"De qualquer maneira foi um bom resultado para nós. Na partida de volta teremos outras chances de vencer. O CSKA é um rival que foi difícil esta noite. Perdemos várias chances de gol para aumentar o marcador. Em Madri, as condições climáticas e o ambiente serão completamente distintos, mas também espero uma dura batalha lá", destacou Mourinho após o fim do jogo.

O Real Madrid sofreu um gol nos acréscimos que valeu um empate em 1-1 com o CSKA no estádio Lujniki de Moscou, nesta terça-feira em partida válida pelas oitavas de final de ida da Liga dos Campeões da Europa, e a eliminatória será decidida na capital espanhola.

Bookmark and Share

Fonte: AFP





» Tags:Esporte Futebol

O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.