Correio do Povo

Porto Alegre, 16 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
21ºC
Amanhã
19º 29º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Brasileirão

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

09/12/2013 09:15 - Atualizado em 09/12/2013 09:48

Presidente do Barça é suspeito de "lucrar" em negócio com Neymar

Valores da transferência não foram divulgados por Santos e Barcelona

Valores da negociação do atacante não foram revelados pelos clubes<br /><b>Crédito: </b> Lluis Gene / AFP
Valores da negociação do atacante não foram revelados pelos clubes
Crédito: Lluis Gene / AFP
Valores da negociação do atacante não foram revelados pelos clubes
Crédito: Lluis Gene / AFP

O diário espanhol "El Mundo" traz nesta segunda-feira a denúncia de que o presidente do Barcelona, Sandro Rosell, está sendo acusado por um dos líderes da oposição no clube de ter se apropriado de 40 milhões de euros (R$ 128,6 milhões) na transferência envolvendo o atacante Neymar. A denúncia de Jordi Cases complementa as suspeitas em torno da negociação com o Santos, na janela de agosto. Isso porque os valores da transferência nunca foram divulgados oficialmente, devido a uma cláusula de confidencialidade.

De acordo com o diário "Marca", também da Espanha, uma comissão de 40 milhões de euros (R$ 128,6 milhões) foi para o pai de Neymar. O que supõe que o jogador possa ter custado mais de 100 milhões de euros (R$ 321,6 milhões). Algo que justificaria as palavras do presidente do Real Madrid, Florentino Pérez, que em maio afirmava ter desistido de contratar o atacante pelo fato do negócio sair por mais de 150 milhões de euros (R$ 482,4 milhões).

No entanto, segundo o site especializado Transfermarkt, Neymar foi transferido oficialmente do Santos para o Barcelona por 57 milhões de euros (R$ 183,3 milhões).

Bookmark and Share


Fonte: Lancepress







O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.