Correio do Povo

Porto Alegre, 17 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
29ºC
Amanhã
19º 26º


Faça sua Busca


Esportes > Fórmula 1

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

30/12/2013 10:25 - Atualizado em 30/12/2013 10:35

Pilotos enviam mensagens de apoio a Schumacher

Heptacampeão mundial da F-1 segue em coma após acidente enquanto esquiava

Heptacampeão mundial da F-1 segue em coma<br /><b>Crédito: </b> Philippe Desmazes / AFP / CP
Heptacampeão mundial da F-1 segue em coma
Crédito: Philippe Desmazes / AFP / CP
Heptacampeão mundial da F-1 segue em coma
Crédito: Philippe Desmazes / AFP / CP

Pilotos de Fórmula 1 como o alemão Sebastian Vettel e o espanhol Fernando Alonso, rivais nas pistas de Michael
Schumacher, enviaram mensagens de apoio ao heptacampeão mundial, em estado crítico após o acidente de esqui que sofreu nesse domingo.

• Schumacher luta pela vida e segue em estado crítico

Vettel, apelidado de "Baby Schumi" e considerado o herdeiro do compatriota, afirmou que ficou "comovido" com as notícias sobre o estado de saúde de Schumacher, que sofreu um acidente em uma estação dos Alpes franceses. "Estou comovido e espero que se recupere o mais rápido possível", disse o tetracampeão mundial à agência alemã SID.  "Desejo a sua família toda a força necessária para superar este momento", completou. 

Fernando Alonso, campeão mundial em 2005 e 2006, escreveu no Twitter: "Melhoras rápidas Michael! Espero ouvir notícias positivas em breve". Schumacher, o maior campeão da história da Fórmula 1 com sete títulos, permanec em "estado crítico" depois da queda que sofreu no domingo quando esquiava nos Alpes franceses, anunciou o hospital de Grenoble em que está internado.

O alemão, de 44 anos e que se aposentou em 2012, foi operado em caráter de urgência e está em recuperação, mas em estado muito grave, segundo os médicos. De acordo com os médicos que cuidam do ex-piloto, se não estivesse de capacete, Schumacher teria falecido no acidente. 

"Toda a Ferrari está com Michael Schumacher", afirma um comunicado da escuderia italiana. Schumacher conquistou cinco de seus sete títulos mundiais com a Ferrari. O presidente da Ferrari, Luca di Montezemolo, "está em contato permanente com a família" do campeão alemão, segundo o comunicado da equipe.

Pouco depois do anúncio do grave estado de saúde do ex-piloto, o mundo do motor manifestou apoio a uma das maiores lendas do esporte. "Estou rezando para Deus te proteger, irmão!! E que você tenha uma rápida recuperação Michael!!", escreveu no Twitter o brasileiro Felipe Massa, que foi companheiro de Schumacher na Ferrari por muitos anos.

O piloto francês Romain Grosjean, da Lotus, também usou o Twitter para expressar solidariedade: "Todos os nossos
pensamentos estão com Schumi e sua família! Espero que se recupere em breve". "Rezo por você esta noite Schumi! Não ceda, como de costume", escreveu o também francês Jules Bianchi, da escuderia Marussia.

As reações vieram inclusive de pilotos de outras categorias e que não foram rivais de Schumacher nas pistas.
"Se alguém pode seguir adiante é você", escreveu o britânico Dario Franchitti, três vezes vencedor das 500 milhas de Indianápolis. O espanhol Carlos Sainz, bicampeão mundial de rali e vencedor do rali Dacar, escreve: "Todo o melhor para M. Schumacher. Muito apoio".

As reações também vieram de longe do mundo do esporte e a chanceler alemã Angela Merkel afirmou que estava "profundamente comovida, assim como milhões de alemães". Merkel desejou uma rápida recuperação ao campeão e enviou uma mensagem de "força e apoio" para a família de Schumacher.

Bookmark and Share


Fonte: AFP







O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.