Correio do Povo

Porto Alegre, 24 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
21ºC
Amanhã
11º 22º


Faça sua Busca


Esportes

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

01/01/2014 13:46 - Atualizado em 01/01/2014 13:52

Hospital que trata de Schumacher estuda bloquear acesso a jornalistas

Piloto está em coma induzido, mas sua condição de saúde é estável

Porta-voz de Schumacher diz que hospital bloquear acesso a jornalistas<br /><b>Crédito: </b> Jean Pierre-Clatot / AFP / CP
Porta-voz de Schumacher diz que hospital bloquear acesso a jornalistas
Crédito: Jean Pierre-Clatot / AFP / CP
Porta-voz de Schumacher diz que hospital bloquear acesso a jornalistas
Crédito: Jean Pierre-Clatot / AFP / CP

A direção do hospital de Grenoble, no sudeste da França, avalia impedir o acesso dos jornalistas ao estabelecimento onde está internado o campeão da Fórmula 1 Michael Schumacher. A afirmação foi feita nesta quarta-feira pela porta-voz do piloto, Sabine Kehm.

Segundo Kehm, que fez breves declarações nesta manhã para inúmeras câmeras e microfones, o hospital tomaria a medida para garantir o bom funcionamento do estabelecimento. O acesso ao serviço de emergência foi dificultado em várias ocasiões devido à presença dos muitos meios de comunicação de todo o mundo que esperam informações sobre a saúde de Schumacher. O alemão segue em coma artificial depois do grave acidente de esqui sofrido no domingo, mas seu estado de saúde é "estável".

Na terça-feira, Sabine Kehm já havia indicado que um homem "disfarçado de padre" aparentemente teria tentado se aproximar do quarto do piloto, e lamentou o fato de "as pessoas tentarem andar dentro do hospital, para além da sala de imprensa".

Fonte: AFp







O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.