Porto Alegre, sábado, 22 de Novembro de 2014

  • 05/01/2014
  • 12:05
  • Atualização: 12:15

Inter emite nota de pesar pela morte de Eusébio

Maior ídolo da história do futebol português morreu aos 71 anos

Eusébio recebeu camisa do Inter em jogo no Engenhão, em 2010 | Foto: Site do Inter / Reprodução / CP

Eusébio recebeu camisa do Inter em jogo no Engenhão, em 2010 | Foto: Site do Inter / Reprodução / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

O Inter lamentou, por meio do site oficial, a morte do ex-atacante português Eusébio, que participou do jogo inaugural do Beira-Rio em 1969 pelo Benfica.

Naquele ano, o Benfica venceu o Inter por 2 a 1. Eusébio marcou o segundo gol da história do estádio. Foi o principal goleador da Copa do Mundo de 1966, peça fundamental no terceiro lugar conquistado pelos portugueses, e disputou com Pelé como o melhor jogador do mundo. Um ano antes, ganhou a Bola de Ouro como melhor jogador da Europa.

O ex-atleta tinha 71 anos e faleceu vítima de uma parada cardiorrespiratória na madrugada deste domingo. Eusébio já vinha dando sinais de saúde debilitada, tendo estado internado em junho de 2012 devido a um acidente vascular cerebral (AVC) que sofreu na Polônia. Eusébio da Silva Ferreira nasceu em Lourenço Marques, em 25 de janeiro de 1942, em Moçambique.

Bookmark and Share


TAGS » Futebol, Inter, Esporte