Correio do Povo

Porto Alegre, 30 de Agosto de 2014


Porto Alegre
Agora
16ºC
Amanhã
14º 26º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Grêmio

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

16/01/2014 13:03 - Atualizado em 16/01/2014 13:06

Enderson Moreira diz que esquema do Grêmio irá variar

Ideia é começar com o 4-2-3-1, mas treinador não quer ficar preso a um sistema tático

Enderson projeta variações do esquema do Grêmio<br /><b>Crédito: </b> Lucas Uebel / Divulgação Grêmio / CP
Enderson projeta variações do esquema do Grêmio
Crédito: Lucas Uebel / Divulgação Grêmio / CP
Enderson projeta variações do esquema do Grêmio
Crédito: Lucas Uebel / Divulgação Grêmio / CP

Adepto de treinar os setores do time de forma separada, o técnico Enderson Moreira ainda não comandou nenhum treinamento coletivo durante a pré-temporada gremista. Apesar disso, nos trabalhos fica claro que o esquema inicial da equipe será o 4-2-3-1. O treinador admitiu, em entrevista à Rádio Guaíba, a preferência por esse sistema, mas afirmou que o Grêmio irá variar taticamente ao longo da temporada.

“Algumas vezes se fica preso a números, mas tem momentos em que o esquema é quebrado.Em alguns momentos do jogo você se defende com duas linhas de quatro ou no 4-1-4-1. Dependendo da necessidade, vira até um 4-3-3. Gosto do 4-2-3-1, mas isso não quer dizer que ficaremos presos a ele durante toda a temporada. Os jogadores têm postura táticas interessantes. A gente vai buscar ter uma equipe competitiva, que busca resultados e marque muito bem independente do esquema”, declarou.

Sobre o método de treinamentos, Enderson revelou não ser favorável a muitos treinos coletivos. O técnico tricolor acredita que trabalhar as repetições das situações de jogo traz mais resultados que o simples enfrentamento de um time contra o outro.

“Eu joguei futebol somente nas categorias de base. Na minha época era muito comum coletivo duas vezes por semana. O futebol tem evoluído muito e a gente sabe que coletivo é mais um jogo e cria um desgaste enorme. Então queremos colocar situações que possam aparecer mais de forma repetitiva. Não que eu não faça treinos de 11 contra 11, mas prefiro fazer mais fragmentado. São criadas situações para desenvolver aspectos que considero importantes”, avaliou.

Bookmark and Share

Fonte: Correio do Povo






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.