Porto Alegre, quinta-feira, 30 de Outubro de 2014

  • 19/01/2014
  • 13:09
  • Atualização: 13:53

Torcedores gremistas estão proibidos de usar faixas horizontais no Gauchão

Polícia sustenta que a colocação de faixas prejudica o acesso de PMs e socorristas

  • Comentários
  • Rádio Guaíba

O Batalhão de Operações Especiais (BOE) da Brigada Militar irá intensificar a revista aos torcedores para evitar o ingresso de barras e faixas, conhecidas como trapos, no primeiro jogo do Grêmio, no Gauchão, marcado para às 17h deste domingo, no Estádio do Zequinha, no bairro Passo D'Areia, em Porto Alegre. A proibição dos materiais foi definida em reunião realizada na última sexta-feira com representantes de torcidas organizadas, Ministério Público e Brigada Militar.

De acordo com o responsável pelo policiamento do jogo, major do Batalhão de Operações Especiais (BOE), da Brigada Militar (BM), Alessandro Prestes, as faixas prejudicam o acesso de policiais e socorristas em meio aos torcedores. Apenas faixas com no máximo 1 metro e sem mastros poderão ser utilizadas nas arquibancadas.

A medida deve afetar diretamente os integrantes da Geral do Grêmio, maior torcida do clube e responsável pela utilização dos tradicionais trapos.

O encontro contou apenas com representantes da Garra, Velha Escola e Torcida Jovem. A direção do Grêmio informou que todas as organizadas foram comunicadas. O vice-presidente do clube, Nestor Hein, também esteve presente.

Bookmark and Share