Porto Alegre, sábado, 25 de Outubro de 2014

  • 21/01/2014
  • 21:35

Maradona usou drogas pela primeira vez em 1983, revela ex-mulher

Ex-craque argentino foi flagrado três vezes no antidoping ao longo da carreira

Ex-craque argentino foi flagrado três vezes no antidoping ao longo da carreira | Foto: Russel Cheyne / AFP / CP

Ex-craque argentino foi flagrado três vezes no antidoping ao longo da carreira | Foto: Russel Cheyne / AFP / CP

  • Comentários
  • AFP

Lenda do futebol argentino, Diego Maradona, que teve vários problemas com drogas ao longo da carreira, usou substâncias ilícitas pela primeira vez na Espanha, na época em que foi transferido do Barcelona para o Napoli, revelou sua ex-mulher, Claudia Villafañe.

"Eu não me dava conta de quando estava drogado, ele nunca fez isso na minha frente. Mas, para mim, ele provou drogas pela primeira vez na Espanha", disse Villafañe em entrevista à Radio argentina La Red.

A ex-esposa do craque explicou que Diego teria começado a usar drogas em 1983, ano em que foi transferido do Barcelona para o Napoli. Lá, ele viveu os melhores momentos da carreira, conquistando dois títulos nacionais e levantando o troféu da Copa da Uefa, antiga versão da Liga Europa.

Maradona foi flagrado três vezes em exames antidoping, um deles durante a Copa do Mundo de 1994, nos Estados Unidos. Em 4 de janeiro de 2000, sofreu um ataque cardíaco decorrente de uma overdose de cocaína e, duas semanas depois, viajou para Cuba para se tratar.

Bookmark and Share