Porto Alegre, sábado, 20 de Dezembro de 2014

  • 22/01/2014
  • 11:58
  • Atualização: 12:10

Juiz aceita denuncia e irá investigar contratação de Neymar

Presidente do Barcelona, Sandro Rosell, é acusado cometer irregularidades na contratação do jogador

Contratação do jogador será alvo de investigação  | Foto: JAVIER SORIANO / AFP /CP

Contratação do jogador será alvo de investigação | Foto: JAVIER SORIANO / AFP /CP

  • Comentários
  • AFP

O juiz espanhol Pablo Ruz aceitou a denúncia apresentada por um sócio do Barcelona contra o presidente do clube, Sandro Rosell, por apropriação indevida de valores na contratação do jogador Neymar. No entanto, o magistrado não vê com urgência a necessidade de chamar para depor o acusado.

A denúncia contra Rosell foi apresentada pelo sócio do Barcelona Jordi Cases por um suposto delito de "apropriação indevida de valores" na contratação de Neymar e no pagamento de 40 milhões de euros à empresa N&N, propriedade do pai do jogador. Na decisão, Ruz, juiz da Audiência Nacional, não vê, por enquanto, "urgência ou necessidade" de chamar Rosell para depor até que não sejam respeitadas as medidas pendentes, considerando também que "existem elementos suficientes" nos documentos apresentados para investigar o ocorrido.

Ruz pediu à Fifa a documentação que tem sobre a contratação de Neymar, ao jogador que entregue o contrato com a empresa N&N e mandou uma comissão ao Brasil para buscar os contratos de trabalho e de transferência do jogador. O juiz solicitou também ao Barcelona os contratos da compra no valor de 7,9 milhões de euros pelos direitos de três juvenis do Santos, assim como os contratos de 9 milhões de euros para jogar dois amistosos com o clube paulista.


Bookmark and Share


TAGS » Barcelona, Neymar