Porto Alegre, domingo, 26 de Outubro de 2014

  • 23/01/2014
  • 21:25
  • Atualização: 21:40

Grêmio busca vitória contra o Lajeadense nos últimos minutos

Pênalti cobrado por Canhoto garantiu o placar de 2 a 1 na Arena

Canhoto criou a jogada e bateu pênalti da vitória tricolor | Foto: Lucas Uebel/Grêmio/Divulgação CP

Canhoto criou a jogada e bateu pênalti da vitória tricolor | Foto: Lucas Uebel/Grêmio/Divulgação CP

  • Comentários
  • Bernardo Bercht/Correio do Povo

O Grêmio B teve dificuldades, mas buscou sua primeira vitória do Gauchão, nesta quinta-feira. O Lajeadense incomodou, tentou usar a experiência nas bolas paradas contra a velocidade e chegou a empatar a partida em 1 a 1. No final, contudo, Canhoto cobrou o pênalti que garantiu os três pontos para o Tricolor Gaúcho com o 2 a 1.

A aposta do primeiro tempo foi na velocidade. Apesar de algumas inconsistências defensivas, que obrigaram o time a ceder vários escanteios para o Lajeadense, o Tricolor teve melhor presença ofensiva. Na frente, o lado esquerdo mostrou muita técnica e boca capacidade de criação.

Perigo pelo ar na bola parada

A equipe tricolor estava nervosa nos primeiros minutos, contudo, e o Lajeadense aproveitou para atacar. Aos 9 minutos, o atacante Japa dominou na marca do pênalti, ia para a conclusão, mas dois marcadores do Grêmio chegaram para dividir e evitar o gol. Aos 14, a resposta veio com Moisés, em alta velocidade na direita. Ele cruzou para Everaldo na área, a bola veio na marca do pênalti e o companheiro precisou se esticar para mandar para o gol. Eduardo Martini catou firme a primeira conclusão do Grêmio.

Na bola aérea, o Lajeadense seguiu perigoso. Aos 27 minutos, Everaldo afastou bola alçada no escanteio, Marcio Goiano tentou o chute na entrada da área, mas Rafael Thyere se jogou na frente da bola. No escanteio que deu sequência ao lance, confusão na área, Kleverson dividiu com Folmann e quase fez o gol, mas já estava impedido.

Everton abre o placar para o Tricolor

Aos 32 minutos, Folmann foi exigido. Matheus Oliveira chutou forte da intermediária, a bola quicou na frente do goleiro que tocou de leve para evitar o gol. Aos 35, pane na área gremista. Marcio Goiano acertou a trave gremista, depois que Folmann saiu mal em cruzamento, mas o goleiro se recuperou e ligou contragolpe. O gol saiu aos 36, quando Breno escapou pela esquerda, cruzou rasteiro e forte para a pequena área enquanto Everton surgiu para fulminar para as redes.

Everton ganhou confiança e quase ampliou o placar aos 44 minutos. Ele surgiu na esquerda, driblou um marcador e chutou no giro da quina esquerda da área. Eduardo Martini voou para espalmar em escanteio o último lance da primeira etapa.

Com a vantagem no placar, o Grêmio acertou a marcação para o segundo tempo e passou a administrar o jogo. As oportunidades de ataque foram bem menores para ambos os times, com a primeira chance novamente protagonizada pelo Lajeadense. Aos 9 minutos, Marcio Gabriel cruzou na área, Rafael Thiere desviou de cabeça e Rennan pegou a sobra, mas mandou sobre o gol. O Grêmio voltou a apertar um pouco mais na frente após os 20 minutos. Na primeira oportunidade da etapa, Spessato tentou a cobrança direta, a barreira pulou e desviou para escanteio.

Lajeadense empata, mas pênalti garante vitória gremista


A melhor chance gremista veio aos 28 minutos. Luan escapou pela direita, driblou o zagueiro e ficou na cara do gol. Na hora de mandar para o fundo das redes, porém, tentou deslocar de Eduardo Martini e mandou para fora. O castigo veio aos 30 minutos, na bola aérea, em mais um escanteio. Folmann, em nova má atuação, ficou plantado na linha do gol, Gabriel subiu sozinho na pequena área e mandou para o fundo das redes, anotando o 1 a 1.

Mas Canhoto, que tinha entrado há pouco, acabou sendo decisivo. Primeiro, lançou Luan na cara do gol, o garoto foi derrubado em penalidade máxima aos 43 minutos. Canhoto foi para a cobrança e deslocou Eduardo Martini, que saltou para o canto oposto do seu pênalti. Foi o 2 a 1 salvador para o Tricolor Gaúcho. Oliveira foi expulso com o segundo amarelo no lance e complicou ainda mais a vida do Lajeadense.

Campeonato Gaúcho - 2ª rodada


Grêmio 2
Follmann; Spessato, Rafael Thyere, Cleylton e Breno; Guilherme Amorim, Moisés (Angelo), Jeferson (Matheus Barbosa), Luan e Everton; Everaldo (Leandro Canhoto). Técnico: Marcelo Mabília.

Lajeadense 1
Eduardo Martini; Márcio Gabriel, Oliveira, Gabriel e Marcio Goiano; Rudiero, Mateus (João Felipe), Everton e Rennan Oliveira (Micael); Cléverson e Japa (Eber). Técnico: Fabiano Daitx.

Gols: Everton (38min/1°T) e Canhoto (43min/2ºT), para o Grêmio; Gabriel (32min/2°T), para o Lajeadense.
Arbitragem: Diego Almeida Real, com João Lúcio Monteiro de Souza Júnior e Elio Nepomuceno de Andrade Jr.
Cartões amarelos: Rennan Oliveira, Everton (L); Jeferson, Guilherme Amorim, Rafael Thyere, Matheus Barbosa (G).
Cartão vermelho: Oliveira.
Local: Arena do Grêmio
Público/Renda: 5.029 (3.360 pagantes) / R$ 82.347,00.


Bookmark and Share