Correio do Povo

Porto Alegre, 1 de Outubro de 2014


Porto Alegre
Agora
19ºC
Amanhã
14º 21º


Faça sua Busca


Esportes > Tênis

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

26/01/2014 15:27 - Atualizado em 26/01/2014 18:46

Nadal perde o título do Aberto da Austrália para o suíço Stanislas Wawrinka

Número 1 do mundo lutou até o fim, mas acabou derrotado, com parciais de 6/3, 6/2,3/6 e 6/3

Número 1 do mundo lutou até o fim, mas acabou derrotado, com parciais de 6/3, 6/2,3/6 e 6/3
Crédito: Saeed Khan / AFP / CP

 O suíço Stanislas Wawrinka sagrou-se campeão do Aberto da Austrália, conquistando neste domingo, em Melbourne, seu primeiro título em um Grand Slam, ao derrotar na decisão o espanhol Rafael Nadal, que foi prejudicado por fortes dores nas costas.

O número um do mundo lutou até o fim e recusou-se a abandonar a quadra, mas acabou perdendo em quatro sets, com parciais de 6/3, 6/2,3/6 e 6/3. Com muita dificuldade para se deslocar em quadra e sem poder sacar normalmente, Nadal, que foi campeão na Austrália em 2009, chegou a ter uma reação heroica no terceiro set, mas não conseguiu fazer milagres.

"Estou triste por terminar assim, tentei de tudo, mas não deu", lamentou o espanhol de 27 anos depois da partida.

A final foi um pouco truncada por causa da lesão do espanhol, mas nada disso tira o mérito de Wawrinka, que fez um grande torneio, eliminando, inclusive, o sérvio Novak Djokovic, campeão das três últimas edições.

Aos 28 anos, suíço tornou-se o segundo tenista do seu país a levantar um troféu de Grand Slam, depois de Roger Federer, recordista de títulos desta categoria.

"Parabéns, Stan, eu não tive sorte hoje, mas você merece", completou Nadal.

Wawrinka devolveu a gentileza logo em seguida. "Sinto muito por você, Rafa, espero que sua coluna vai melhorar. Você é um super cara e um campeão incrível", declarou o suíço, que mal conseguia acreditar que tinha derrotado pela primeira vez um adversário contra o qual não havia vencido um set sequer em 12 partidas.

"Ainda não sei se é sonho o realidade, veremos amanhã", brincou o novo campeão.

Probema de concentração Nadal se machucou no início do segundo set, depois de uma primeira parcial muito disputada e vencida na raça pelo suíço.

O espanhol precisou deixar a quadra por alguns minutos e voltou sob vaias, mas logo em seguida a torcida entendeu que o problema era sério e passou a apoiá-lo.

Por respeito pelo público, o líder do ranking da ATP resolveu permanecer em quadra, inclusive após a perda do segundo set, e chegou até a dar ilusão de que poderia voltar no jogo, o que fez Wawrinka mostrar um certo nervosismo na hora de fechar.

Com o pouco de forças que lhe restava, o espanhol conseguiu quebrar o saque do suíço no início da terceira parcial e conseguiu manter sua vantagem para deixar confronto em 2 sets a 1.

No quarto set, porém, Wawrinka, apesar de cometer muitos erros, começou a reencontrar seu tênis e acabou conseguindo uma quebra no sétimo game, para abrir uma vantagem de 4-2. O jogo parecia chegar ao fim, mas o suíço voltou a perder a concentração e Nadal devolveu a quebra facilmente.

O espanhol, no entanto, já não tinha mais condições de lutar e acabou perdendo os dois games seguintes, deixando escapar de vez o que seria seu 14º título em Grand Slams.

Bookmark and Share


Fonte: AFP






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.