Correio do Povo

Porto Alegre, 18 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
23ºC
Amanhã
16º 23º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Inter

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

30/01/2014 08:21 - Atualizado em 30/01/2014 08:29

Inter “suspende” busca por reforço e Abel avalia elenco no Gauchão

Técnico diz que dará dois meses para acompanhar rendimento e só então decidir se buscará mais jogadores

Abel Braga quer observar mais as opções do elenco<br /><b>Crédito: </b> Alexandre Lops / Divulgação Inter / CP
Abel Braga quer observar mais as opções do elenco
Crédito: Alexandre Lops / Divulgação Inter / CP
Abel Braga quer observar mais as opções do elenco
Crédito: Alexandre Lops / Divulgação Inter / CP

Nesta quarta-feira, o Inter definiu a saída do atacante Scocco, vendido para o Sunderland, da Inglaterra. A ida do argentino não foi nenhuma surpresa. Mas fechou o trio de negociados do clube, com Leandro Damião, Diego Forlán e mais o gringo como baixas. Ainda assim, o técnico Abel Braga garante que não pensa em contratações no momento e quer dar tempo para avaliações aos jovens.

Após o jogo-treino do último sábado, Abel deixou no ar que ainda poderia pedir a contratação de um jogador para uma posição específica. Quando chegou, queria um atacante de velocidade, especificamente Luan, atualmente no Cruzeiro. Embora tenha dito que o presidente Giovanni Luigi poderia guardar seu dinheiro neste momento. Mas a ideia de um reforço se dissipou da cabeça do comandante.

“No momento não quero jogador. Vou dar força ao Alan Patrick, Otavinho, Raphinha, Alan, o Cláudio. Ou a equipe vai me dar a resposta que eu quero. Se a gente sentir, ganhando ou não o Gaúcho, que há necessidade, o presidente vai ter que pegar o dinheiro que eu disse que ele poderia guardar. Cheguei com proposta de pegar mais um jogador de lado, já coloquei que gostaria muito do Luan, mas depois do Otavinho, Patrick, Sasha, falei para suspender. Estou apostando. Temos esses dois meses e pouco para me provar que estou certo ou errado”, destacou o treinador colorado.

Ainda assim, Abel garante que os adversários mais fracos do Estadual não irão o confundir na avaliação. Atualmente, conta em um hipotético banco de reservas com Muriel, Cláudio Winck, Ernando, Índio, Alan, Augusto, João Afonso, Alan Patrick, Valdívia, Eduardo Sasha, Wellington Paulista e Otávio.

“O negócio perigoso é que Gauchão não pode ser parâmetro. É uma armadilha. Você cresce muito como protagonista. E na frente, que é o que quer, vem passando essas situações. De 10° pra 15° no Brasileiro. Não vamos nos iludir”, garantiu Abelão.



Fonte: Lancepress







O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.