Porto Alegre, domingo, 26 de Outubro de 2014

  • 01/02/2014
  • 12:20
  • Atualização: 12:24

Morre o técnico espanhol Luis Aragonés

Treinador de 75 anos estava internado em clínica de Madri

Técnico morreu aos 75 anos  | Foto: Franck Fife / AFP / CP

Técnico morreu aos 75 anos | Foto: Franck Fife / AFP / CP

  • Comentários
  • Lancepress

O futebol espanhol e também o mundial como um todo está de luto. Morreu na madrugada deste sábado, aos 75 anos, o ex-técnico da Fúria e ídolo do Atlético de Madrid, Luis Aragonés. Segundo o jornal 'Mundo Deportivo', em dezembro de 2013, ele já havia comunicado a decisão de não treinar mais devido a uma leucemia. Aragonés estava internado em uma clínica da capital espanhola e faleceu perto das 6 horas.

Luis Aragonés treinou a Fúria entre 2004 e 2008, tendo conquistado a Eurocopa em 2008, na edição realizada em conjunto por Áustria e Suíça. Na ocasião, os espanhois quebraram um jejum de 64 anos e deram início ao ciclo vencedor da seleção, que viria a ganhar a Copa do Mundo, em 2010, e a edição seguinte da Euro, em 2012.

Nos clubes, Aragonés treinou o Atlético de Madrid, onde também atuou como jogador, tendo conquistado um Campeonato Espanhol, em 1977, e o Mundial Interclubes, em 1974. Ele também comandou o Barcelona, Bétis, Espanyol, Sevilla, Valencia, Oviedo, Mallorca e o Fenerbahçe.

Federação espanhola lamenta

Em nota oficial publicada em seu site, a Federação Espanhola lamentou o falecimento do treinador. “A Real Federação Espanhola de Futebol quer expressar sua dor e consternação pela morte de quem foi jogador e treinador de diversos clubes espanhois e do mundo e treinador da Espanha no começo de sua etapa mais gloriosa de resultados”, disse o comunicado.

Bookmark and Share