Porto Alegre, sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

  • 03/02/2014
  • 07:52

Oswaldo de Oliveira colocará o cargo à disposição caso o Santos perca Cícero

Técnico já perdeu Montillo para o Shandong Luneng, da China

Técnico já perdeu Montillo para o Shandong Luneng, da China | Foto: Ricardo Saibun / Divulgação Santos / CP

Técnico já perdeu Montillo para o Shandong Luneng, da China | Foto: Ricardo Saibun / Divulgação Santos / CP

  • Comentários
  • Lancepress

O técnico Oswaldo de Oliveira colocará o cargo à disposição da diretoria caso Cícero deixe o Santos. A ameaça do treinador foi feita nos últimos dias, após a saída confirmada de Montillo para o Shandong Luneng, da China, e as boas exibições do camisa 8 na equipe.

Após a goleada por 5 a 1 contra o Botafogo de Ribeirão Preto, o técnico afirmou que o clube não buscaria um substituto para o argentino e que o status de criador do time tem dono. "O Cícero não é o camisa 10 porque não quer. Eu disse: “Pode dar a tarja de capitão e a 10 para ele”. Mas ele não quis. Com característica diferente do Montillo, tem tudo para ser e está sendo esse criador. Ele atrai a marcação individual e é o nosso principal articulador. Projeto para ele essa função", disse.

Antes, na saída do gramado, o meio campista de 29 anos não garantiu a sua permanência até o término de seu contrato com o Santos, em dezembro deste ano. "Nada resolvido, mas tenho contrato com o clube. Sou profissional e estou entrando e dando o máximo para a minha equipe", afirmou.

Desde dezembro, o meia tem forçado por um aumento salarial. Artilheiro do time em 2013 com 24 gols marcados, ele despertou interesse de vários clubes, como Corinthians, Fluminense e Shandong, da China. Empresário do jogador, Eduardo Uram atendeu a reportagem e garantiu que hoje não existe nenhuma negociação em andamento:

"Hoje, não tenho nenhuma proposta pelo jogador. Acho que ele falou que não está nada resolvido porque ainda tem muita janela aberta. China, Turquia, Japão, mundo árabe...Todo jogador que está indo bem tem sua situação indefinida", disse. Em três jogos no ano, ele marcou dois gols: contra Ituano e Botafogo-SP.


Bookmark and Share


TAGS » Futebol, Santos