Correio do Povo

Porto Alegre, 16 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
15ºC
Amanhã
14º 23º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Grêmio

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

26/02/2014 07:24 - Atualizado em 26/02/2014 07:26

Luan fala em “gostinho especial” após primeiro gol na Libertadores

Atacante de 20 anos completou dez partidas nesta terça e é quem mais jogou do elenco no ano

Luan foi mais uma vez o destaque do Grêmio<br /><b>Crédito: </b> Lucas Uebel / Divulgação Grêmio / CP
Luan foi mais uma vez o destaque do Grêmio
Crédito: Lucas Uebel / Divulgação Grêmio / CP
Luan foi mais uma vez o destaque do Grêmio
Crédito: Lucas Uebel / Divulgação Grêmio / CP

Entra jogo, sai jogo do Grêmio e o destaque segue sendo o atacante Luan. Com 20 anos, o jovem é a grande novidade do clube em 2014. Nesta terça-feira, fez sua estreia com a camisa gremista em uma Copa Libertadores da América na Arena. Em sua décima partida da temporada, marcou pela primeira vez desde que passou a ser aproveitado por Enderson Moreira. E admite o gostinho especial.

Luan reúne bons números neste início de ano. Nos dez jogos que disputou, fez dois gols. Além do que abriu a goleada sobre o Atlético Nacional (COL), também marcou o que garantiu o empate tricolor no Bento Freitas, contra o Brasil de Pelotas. Tem duas assistências na temporada e dois pênaltis sofridos. Por isso, virou o xodó da torcida.

“Tinha feito o gol em Pelotas com o time sub-20. Fazendo um gol em estreia minha em Libertadores, aqui na Arena, tem um gostinho especial sim”, sorriu o atacante, ainda na zona mista do estádio tricolor.

Com a mesma naturalidade que joga no Gauchão ou atuava nas categorias de base, Luan disputa uma partida de Libertadores, competição mais importante do continente. Ainda assim, os mais experientes, como Edinho, passaram tranquilidade para o menino de 20 anos, que não se intimida com as pancadas.

“Os jogadores têm bastante experiência em Libertadores e me passaram para dizer como era. Falaram para eu ir para cima e fazer o que eu sei. Procuro entrar naturalmente em todo o jogo, não importa o time, e fazer o meu melhor”,relatou Luan com a mesma facilidade que faz gols e dribla zagueiros.

Bookmark and Share

Fonte: Lancepress






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.