Porto Alegre, terça-feira, 23 de Dezembro de 2014

  • 02/03/2014
  • 22:33
  • Atualização: 22:36

Governo britânico não assistirá Jogos Paralímpicos de Sochi

Atitude é uma consequência da ação militar da Rússia na Ucrânia

  • Comentários
  • AFP

O governo britânico não assistirá a cerimônia inaugural dos Jogos Paralímpicos de inverno de Sochi. O primeiro-ministro da Grã-Bretanha, David Cameron, afirmou que a atitude é uma consequência da ação militar da Rússia na Ucrânia.

Cameron informou que ele e o ministro das Relações Exteriores, William Hague, não consideram correto assistir aos Jogos, que começam na próxima sexta-feira. Em seu twitter, o primeiro-ministro destacou "que seria um erro que ambos assistissem os Jogos Paralímpicos de Sochi".

O Palácio de Buckingham também informou que o filho mais novo da rainha Elizabeth II, o príncipe Edward, patrono da Associação Paralímpica Britânica, "por conselho do governo, cancelou sua visita prevista à Rússia" para assistir aos Jogos em Sochi. Um porta-voz de Downing Street destacou, além disso, que Cameron está "profundamente preocupado" com a situação na Ucrânia e que, neste domingo, falou sobre o tema com o presidente norte-americano, Barack Obama.


Bookmark and Share


TAGS » Esporte, Rússia, Sochi