Porto Alegre, sexta-feira, 24 de Outubro de 2014

  • 04/03/2014
  • 11:02
  • Atualização: 11:19

Em nota, sindicato dos árbitros gaúchos critica postura de Rui Costa

Dirigente do Grêmio classificou Todeschini como juiz de "quinta categoria"

Rhodolfo contou que árbitro ameaçou jogadores | Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação / CP

Rhodolfo contou que árbitro ameaçou jogadores | Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

A atuação do árbitro Eleno Todeschini na derrota do Grêmio para o São Paulo no sábado, em Rio Grande, segue gerando polêmica. Nessa segunda-feira, o Sindicato dos Árbitros do Rio Grande do Sul divulgou uma nota oficial criticando a postura do vice de futebol do Grêmio, Rui Costa, que classificou Todeschini como árbitro de "quinta categoria". A entidade defende o árbitro, mas não cita as possíveis ameaças aos jogadores dentro de campo.

"O Sindicato dos Árbitros de Futebol do Estado do Rio Grande do Sul não poderia deixar de expressar a sua indignação mediante as palavras difamatórias do dirigente do Grêmio, senhor Rui Costa", diz um trecho da nota, que também fala em "postura ilibada", do referido árbitro.

O departamento jurídico do Grêmio ainda estuda uma possibilidade de formular um protesto na Federação Gaúcha de Futebol. O assessor de futebol Marcos Chitolina, no entanto, negou no domingo essa possibilidade.

Após a partida, dirigentes fizeram duras críticas à atuação do árbitro e denunciaram possíveis ameaças de Todeschini a alguns jogadores do Grêmio. O zagueiro Rhodolfo disse que Todeschini gritava e dizia que era ele quem mandava. 

Bookmark and Share


TAGS » Grêmio, Futebol