Porto Alegre, sexta-feira, 28 de Novembro de 2014

  • 12/03/2014
  • 20:29
  • Atualização: 20:35

Família de gaúcho do Defensor destaca superação do atacante

Felipe Gedoz marcou os dois gols do time uruguaio sobre o Cruzeiro, pela Libertadores

Família de gaúcho do Defensor destaca superação do atacante | Foto: Pablo Porciuncula / AFP / CP

Família de gaúcho do Defensor destaca superação do atacante | Foto: Pablo Porciuncula / AFP / CP

  • Comentários
  • Deolí Gräff / Correio do Povo

Uma família em Muçum, no Vale do Taquari, vibrou bastante com a vitória do Defensor sobre o Cruzeiro, pela Libertadores, nessa terça-feira. Trata-se dos parentes do atacante gaúcho Felipe Gedoz, autor dos dois gols da partida. “Foi aquela emoção. Vibramos e choramos”, revela a mãe do jogador, Cerli Gedoz.

Ela, por sinal, foi uma das que mais relutou antes de o filho partir para jogar em Montevidéu. E, por lá, teve que superar alguns problemas “Ele passou por muitas dificuldades de adaptação. Mas superou tudo”, conta ela. Agora, ver o único filho brilhar no principal torneio da América Latina é algo que não tem preço: “É tão emocionante que não tem palavras”.

Mesmo separados por quase mil quilômetros de distância, Cerli e a família acompanham o filho pelo meio que for. “Nós assistimos todos os jogos do Defensor, quando não passa pela TV, assistimos pela Internet”, garantiu.

Felipe Gedoz tem 20 anos e iniciou nas categorias de base do Juventude. Antes de chegar ao Defensor, autou por diversos times, incluindo o Guarani de Venâncio Aires, de onde partiu para Montevidéu.

Bookmark and Share