Porto Alegre, sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

  • 13/03/2014
  • 11:39
  • Atualização: 12:05

Após jejum de mais de 100 dias, Newell’s vem em recuperação

Adversário do Grêmio nesta noite marcou 12 gols no últimos cinco jogos

Veterano Gabriel Heinze é um dos destaques do NOB | Foto: STR / AFP / CP

Veterano Gabriel Heinze é um dos destaques do NOB | Foto: STR / AFP / CP

  • Comentários
  • Cristiano Munari / Correio do Povo

Sensação da última temporada na Argentina – o país vizinho segue o calendário europeu de julho a junho -, o Newell’s Old Boys, adversário do Grêmio nesta quinta-feira, às 21h15min, pela Libertadores, passou por um momento de turbulência nos últimos meses. O time comandado por Alfredo Berti ficou 12 partidas oficiais, mais de 100 dias, sem vitória. Após a quebra do jejum, a equipe vem em uma sequência positiva. São três triunfos, um empate e uma derrota (para o Olimpo com time misto no domingo) nos últimos cinco jogos.

A equipe passou por poucas mudanças em relação à temporada anterior. Além da saída do técnico Gerardo Martino para comandar o Barcelona, apenas três titulares deixaram o clube. Scocco e o zagueiro Vergini saíram logo após a Libertadores e o volante Pablo Pérez foi vendido para o Malága da Espanha em dezembro. As principais contratações foram o centroavante Trezeguet e o meia Banega, que chegou no começo de 2014.

O técnico Alfredo Berti, ex-meia do próprio Newell’s e do Boca Juniors, mantém o estilo ofensivo de Martino. O NOB atua normalmente no 4-3-3 com os dois atacantes de lado se movimentando bastante. A equipe tem como característica manter a posse de bola e a marcação no campo ofensivo.

Apesar de enfrentar o Grêmio na Arena, o lateral-esquerdo Milton Casco afirma que o Newell’s não irá mudar a sua forma de atuar. “Vamos para jogar de igual para igual. Sabemos que vai ser um jogo difícil, o time deles tem muitas individualidades. Temos que fazer uma partida inteligente, pressionar e jogar como sabemos. Vamos buscar os três pontos. Eles são fortes, mas nós também somos. Não vamos mudar nossa forma de jogar”, declarou.

Apesar do bom aproveitamento do ataque, 12 gols nos últimos cinco jogos, o Newell’s tem tido dificuldade para achar o parceiro ideal de Figueroa e Maxi Rodríguez desde a saída de Scocco. O experiente Trezeguet sofre com seguidas lesões e não consegue uma sequência de jogos – deve ficar no banco hoje. Titular nas últimas partidas, Fabián Muñoz está lesionado. O centroavante do time nesta noite será o jovem Ezequiel Ponce, de apenas 16 anos. Apesar de ter empolgado os torcedores em suas primeiras partidas, o adolescente atacante ainda não marcou nenhum gol pelo time profissional.

Além de Muñoz, o Newell’s tem o desfalque do volante Diego Mateo para o confronto com o Grêmio. Ele será substituído por Villalba. O reserva Guillermo Ortiz também está fora da partida. O técnico Alfredo Berti deve mandar o seguinte time a campo na Arena: Guzmán; Cáceres, López, Heinze e Casco; Banega, Villalba e Bernardi; Maxi Rodríguez, Ponce e Figueroa.

Últimos cinco jogos do Newell’s Old Boys

Newell’s 4 x 1 no Rafaela (Argentino)
Newell’s 4 x 0 Nacional (Libertadores)
Estudiantes 0 x 0 Newell’s (Argentino)
Newell’s 4 x 1 Vélez (Argentino)
Olimpo 1 x 0 Newell’s (Argentino)

Bookmark and Share