Correio do Povo

Porto Alegre, 24 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
14ºC
Amanhã
14º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Gre-Nal

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

30/03/2014 13:08 - Atualizado em 30/03/2014 13:35

Gre-Nal 400 começa a decidir título do Gauchão

Grêmio e Inter se enfrentam às 16h na Arena

Enderson e Abel se enfrentam pela primeira vez em Gre-Nal<br /><b>Crédito: </b> Montagem CP
Enderson e Abel se enfrentam pela primeira vez em Gre-Nal
Crédito: Montagem CP
Enderson e Abel se enfrentam pela primeira vez em Gre-Nal
Crédito: Montagem CP

Todos os Gre-Nais entram para a história de alguma forma. Alguns confrontos, porém, ganham maior relevância num olhar retrospectivo. O deste domingo, às 16h, na Arena, é um exemplo. Afinal, trata-se do clássico número 400 de uma narrativa de rivalidade que reúne os dois maiores clubes do Rio Grande do Sul. De quebra, começa a decidir o Campeonato Gaúcho de 2014.

ACOMPANHE A PARTIDA PELO SITE DO CORREIO DO POVO A PARTIR DAS 16H


A partida deste domingo também pode marcar a primeira vitória do Grêmio dentro da Arena. Desde que o estádio foi inaugurado, dois clássicos foram disputados lá. Ambos terminaram 1 a 1. Histórico e números não entram em campo, mas no Gre-Nal de quem venceu mais clássicos em finais, o Grêmio tem vantagem. 

O Tricolor e o Colorado decidiram 35 vezes em duelos diretos. E o lado azul venceu em 18 oportunidades. É um alento para aqueles que tentam conquistar o Gauchão após quatro anos. Em números absolutos, o Inter leva vantagem nos clássicos. São 149 vitórias, contra 125 dos tricolores. O número de empate igualou as vitórias do Grêmio com o 1 a 1 na Arena, na fase de grupos do Gauchão. O Colorado já tem 42 títulos gaúchos no armário, enquanto o Tricolor tem 36.

Nos últimos anos, o Grêmio também leva vantagem. Nos anos 2000, três clássicos decidiram o Gauchão: em 2006, em 2010 e em 2011. No primeiro, o time comandado por Abel Braga, que depois seria campeão da América, perdeu no gol qualificado. Empatou em 0 a 0 no Olímpico e 1 a 1 no Beira-Rio. Em 2010, ano que o Inter também foi campeão da Libertadores, o Tricolor abriu vantagem por 2 a 0 no primeiro jogo, no Beira-Rio, e perdeu o segundo por 1 a 0.

O Colorado venceu o último. O Inter de Paulo Roberto Falcão foi batido no Beira-Rio por 3 a 2 pelo Grêmio de Renato Gaúcho - ambos são os maiores ídolos da história dos clubes. O Colorado devolveu o placar e venceu a disputa nos pênaltis.

Bookmark and Share


Fonte: Correio do Povo e Lancepress






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.