Porto Alegre, sábado, 1 de Novembro de 2014

  • 04/04/2014
  • 18:15
  • Atualização: 18:37

Promotor diz que Beira-Rio só sediará jogos oficiais com PPCI

Estádio terá licença especial para eventos do final de semana

Beira-Rio tem licença especial para evento de abertura | Foto: Jonathas Costa / Especial CP

Beira-Rio tem licença especial para evento de abertura | Foto: Jonathas Costa / Especial CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Uma reunião na tarde desta sexta-feira na sede do Ministério Público (MP) estabeleceu os requisitos para a realização dos eventos de reabertura do Beira-Rio neste final de semana. Com o estádio ainda sem o Plano de Prevenção Contra Incêndio (PPCI), o Inter receberá uma licença especial do Corpo de Bombeiros. No entanto, o MP alerta que não haverá autorização para jogos oficiais sem o PPCI, o que poderia inviabilizar a realização do Gre-Nal do dia 13 na casa colorada.

Nesta sexta, o Promotor de Justiça José Seabra reiterou que para a realização de jogos oficiais será obrigatório, além do Plano de Prevenção Contra Incêndio, a apresentação dos laudos estrutural, de engenharia, da Vigilância Sanitária e de segurança.

Para os eventos deste final de semana, o 1º Comando Regional de Bombeiros orientou que, apesar de os equipamentos e sistemas de proteção passiva e ativa contra incêndio instalados e previstos atenderem às necessidades de segurança dos usuários, ações complementares deverão ser adotadas. No sábado, ocorre, a partir das 20h, o show de reabertura do estádio. Já no domingo, acontece um amistoso entre Inter e Peñarol, às 16h. São esperados 45 mil espectadores entre os dois eventos.

Para assegurar o fluxo de pessoas pelos acessos dos níveis 1 e 5 do estádio, todas as cortinas metálicas deverão ser mantidas nas posições aberta e travada. No nível 2, não há condições de utilização para ambos os eventos. Os acessos 3 e 7 somente poderão ser utilizados pelo pessoal da produção da festa e do amistoso.

Por sua vez, o Comando Ambiental, o Departamento de Saúde da Brigada Militar, o Grupamento de Supervisão de Vigilância e Guardas e o Comando de Policiamento da Capital atestam as condições de segurança interna e externa no Estádio Beira-Rio para a realização dos eventos temporários, informou o MP. Na reunião, o Inter foi representado pelo vice-presidente de administração do clube, José Alfredo Amarante.

Bookmark and Share


TAGS » Futebol, Inter, Esporte