Porto Alegre, sábado, 22 de Novembro de 2014

  • 21/04/2014
  • 09:18
  • Atualização: 15:11

Edinho pede cabeça erguida para encarar San Lorenzo

Após derrota para Atlético-PR, volante disse que Grêmio precisa de “chacoalhada”

Edinho pede cabeça erguida para encarar San Lorenzo | Foto: Eduardo Valente / Lancepress / CP

Edinho pede cabeça erguida para encarar San Lorenzo | Foto: Eduardo Valente / Lancepress / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

A derrota para o Atlético-PR nesse domingo, por 1 a 0, pela estreia do Campeonato Brasileiro, acentuou ainda mais a crise no Grêmio. Após o fracasso no Orlando Scarpelli, em Santa Catarina, o volante Edinho pediu para os jogadores levantarem a cabeça para buscar uma vitória diante do San Lorenzo, pela partida de ida da Copa Libertadores, nesta quarta-feira, às 22h.

“Sempre é complicado dar uma explicação num momento como esse.Mas a gente precisa ficar de cabeça erguida, porque quarta-feira tem um novo jogo delicado”, comentou o volante. “O time precisa de uma chacoalhada, para motivar os jogadores. É muito difícil assimilar esses resultados”, acrescentou.

O Tricolor foi goleado pelo Inter na final do Gauchão e sofreu 1 a 0 do Furacão na estreia do Brasileirão. Apesar dos resultados, Edinho acredita que o time gremista está crescendo. “Foram dois jogos ruins que nós fizemos. A equipe evoluiu muito, mas ainda precisa crescer. Contra o Atlético-PR, tivemos chances, mas não fizemos os gols”, observou.

O volante também elogiou o trabalho desempenhado pelo técnico Enderson Moreira no Tricolor. “O trabalho dele é muito bom. É um treinador inteligente e os jogadores entram em campo sabendo o que fazer. Ele tem um grupo na mão e a rapaziada vai lutar por ele”, garantiu.

Bookmark and Share