Porto Alegre, sábado, 1 de Novembro de 2014

  • 27/04/2014
  • 13:21
  • Atualização: 13:25

Unilever leva nono título de Superliga sobre o Sesi-SP

Time de Bernardinho levou susto no terceiro set, mas venceu paulistas

A experiência do Unilever fez a diferença e a equipe conquistou o seu nono título da Superliga Feminina de Vôlei com a vitória sobre o Sesi    | Foto: Alexandre Arruda / CBV / CP

A experiência do Unilever fez a diferença e a equipe conquistou o seu nono título da Superliga Feminina de Vôlei com a vitória sobre o Sesi | Foto: Alexandre Arruda / CBV / CP

  • Comentários
  • Lancepress

De novidade, só mesmo o adversário. O domínio da Unilever na Superliga Feminina segue inabalável. Na manhã deste domingo, no Maracanãzinho, a equipe carioca até sofreu um apagão, mas deixou para trás a frustração da derrota para o Sollys/Nestlê (atual Molico/Osasco). No mesmo palco de 2012, venceu o estreante em decisões Sesi-SP por 3 sets a 1, com parciais de 21-11, 21-12, 13-21 e 21-16, e faturou o nono título da competição diante de mais de 11 mil pessoas.

O nome do jogo foi a ponteira Gabi, de apenas 19 anos. Maior pontuadora da partida, com 14 acertos, ela roubou a cena nos ataques. Pelo Sesi-SP, a central Fabiana e a ponteira Dayse deixaram a quadra com 10 pontos. A conquista entra na galeria dos troféus das edições 1997/1998, 1999/2000 (as duas em Curitiba), 2005/2006, 2006/2007, 2007/2008, 2008/2009, 2010/2011 e 2012/2013.

Antes da partida, um minuto de silêncio para homenagear o narrador Luciano do Valle, que morreu há uma semana, vítima de um infarto. Ícone do jornalismo esportivo, ele foi um dos responsáveis pela ascensão do vôlei na mídia e liderou a organização da histórica partida amistosa entre Brasil e União Soviética em 1983, no Maracanã, que terminou com vitória verde-e-amarela por 3 sets a 1 diante de mais de 90 mil pessoas. Trechos do duelo, narrado por Luciano, foram exibidos na tela do placar central do ginásio.

Bookmark and Share