Porto Alegre, sexta-feira, 24 de Outubro de 2014

  • 28/04/2014
  • 15:51
  • Atualização: 16:08

Presidente do Palmeiras anuncia a saída de Alan Kardec

Paulo Nobre foi informado pelo pai do atacante de que já havia um acordo com o São Paulo

  • Comentários
  • Lancepress

O presidente do Palmeiras, Paulo Nobre, confirmou no início da tarde desta segunda-feira que Alan Kardec não é mais jogador do clube. Em entrevista na Academia de Futebol, o dirigente disse ter sido informado pelo estafe do atacante no sábado de que já havia um acordo com o São Paulo, e por isto a renovação não poderia acontecer "em hipótese alguma".

"Venho aqui comunicar que Alan Kardec não é mais jogador da Sociedade Esportiva Palmeiras. No sábado, fui comunicado pelo estafe do jogador, pelo seu pai, que não havia hipótese alguma do Alan continuar no Palmeiras pois já estava certo com o São Paulo na semana passada. Ele disse que a única hipótese de o Alan continuar no Palmeiras, seria rompendo com o pai, porque ele não voltaria atrás, independentemente da proposta. Não houve a menor hipótese. O Alan Kardec não continua porque não quer", comunicou o dirigente.

De acordo com o pai do jogador, o recuo de Nobre após as partes acertarem o salário em R$ 220 mil, além de bônus por produtividade, foi a gota d'água para que iniciassem as conversas com outros clubes. O dirigente palmeirense, por sua vez, considerou que a negociação estava muito próxima de se encerrar e de forma positiva ao Verdão. Segundo ele, havia a esperança de que o novo contrato de cinco anos pudesse ser definido até na última semana, o que não ocorreu. "A negociação estava muito perto do fim. Estava tranquilo. O problema é que um outro time entrou na negociação de maneira absolutamente antiética. O Alan Kardec era do Palmeiras, tinha negociação em curso", reforçou Nobre.

Com uma proposta de R$ 300 mil mensais ao jogador, o Tricolor apalavrou o acerto com o Kardec, e apesar de Carlos Miguel Aidar ter até anunciado a contratação, e depois voltado atrás, o São Paulo irá confirmar o reforço apenas depois de o imbróglio entre Verdão e atleta se resolver. No clube, porém, já há a comemoração pelo acerto desde o fim de semana.

Sem seu artilheiro no ano, autor de dez gols, Paulo Nobre agora fala em fortalecer o elenco. Embora ainda não tenham negociações iniciadas, a comissão técnica já pediu uma reposição ao jogador, e Walter, do Fluminense, é um nome que agrada. Henrique, que seria reserva de Kardec, foi anunciado no início da tarde.

"Ano passado, fui muito criticado por uma parte da torcida por trazer o Alan Kardec, que estava no Benfica B. Eu estava muito seguro. E hoje muitos que criticaram reclamam da saida dele. É nossa obrigação fortalecer o elenco, independentemente do Alan Kardec", completou.

Bookmark and Share