Correio do Povo

Porto Alegre, 31 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
22ºC
Amanhã
16º 26º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Inter

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

30/04/2014 07:52 - Atualizado em 30/04/2014 07:54

Inter prepara medida judicial para cobrar dívida do Santos

Clube paulista ainda não fez pagamento das contratações de Damião e Lucas Lima

Inter prepara medida judicial para cobrar dívida do Santos <br /><b>Crédito: </b> Guilherme Dionízio / Folhapress / CP
Inter prepara medida judicial para cobrar dívida do Santos
Crédito: Guilherme Dionízio / Folhapress / CP
Inter prepara medida judicial para cobrar dívida do Santos
Crédito: Guilherme Dionízio / Folhapress / CP

O Santos comprou os direitos federativos de Leandro Damião e de Lucas Lima do Inter. Os contratos foram assinados, as mãos apertadas e os jogadores já até estrearam pelo time paulista. O problema é que grande parte do dinheiro da negociação ainda não entrou nos cofres colorados. E depois de esgotar as vias amigáveis, o Inter prepara uma medida judicial para tentar cobrar os cerca de R$ 25 milhões - sem contar juros ou multas - que somam a dívida do coirmão do litoral paulista.

Os advogados do Inter trabalham na elaboração da cobrança. O processo ingressará na Justiça de Santos nos próximos dias e visa ao pagamento imediato dos valores ou a penhora de bens compatíveis - inclusive rendas. "A primeira via usada sempre é a negocial. Tentamos conversar. Mas parece que o Santos não está entendendo os nossos apelos, o que só nos deixa a via judicial como alternativa. Trata-se de uma dívida indiscutível. Por isso, não creio que os trâmites não sejam demorados", confirma o vice-presidente jurídicos do Inter, Mário Chaves.

Ambos os negócios foram fechados entre o final da temporada passada e o início desta. Damião custou R$ 42 milhões aos Santos, que deveriam ser pagos em quatro parcelas iguais. As primeiras duas foram quitadas - a segunda com enorme atraso. As demais estão penduradas.

Lucas Lima teve 80% dos direitos vendidos por R$ 5 milhões, dos quais o Santos não depositou um centavo sequer. Os dirigentes santistas alegam a falta de repasses da Doyen Sports, grupo investidor que bancaria as duas contratações.

Para os colorados, a desculpa não cabe, pois o negócio foi feito entre dois clubes. Lucas Lima atuou em sete partidas pelo Santos. Em apenas uma começou no time titular. Damião esteve em campo em 15 jogos e marcou cinco gols. Mas já é contestado pela torcida.

Bookmark and Share


Fonte: Fabrício Falkowski / Correio do Povo






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.