Porto Alegre, sábado, 1 de Novembro de 2014

  • 03/05/2014
  • 16:28
  • Atualização: 16:36

"Não gosto da campanha #somostodosmacacos", diz Daniel Alves

Lateral também diz que não pretende lucrar em publicidade com sua atitude contra o racismo

Daniel Alves fez questão de dizer que não pretende ganhar publicidade pela sua atitude em resposta ao ato de racismo | Foto: Josep Lago / AFP / CP

Daniel Alves fez questão de dizer que não pretende ganhar publicidade pela sua atitude em resposta ao ato de racismo | Foto: Josep Lago / AFP / CP

  • Comentários
  • Lancepress

Um dos assuntos mais comentados da última semana foi a resposta de Daniel Alves ao ato de racismo praticado por um torcedor do Villareal, que arremessou uma banana na direção do lateral. O atleta pegou a fruta, descascou e comeu. A atitude do brasileiro gerou uma grande repercussão e a campanha #somostodosmacacos, que mobilizou jogadores, técnicos, celebridades e políticos pelo mundo afora.

No entanto, Daniel Alves, em declarações a um programa da TV Globo, afirmou não gostar muito de um detalhe da campanha, que ainda repercute na mídia e nas redes sociais.  "Eu não gosto muito do #somostodosmacacos porque acho que a gente é a evolução disso. Somos humanos e todos iguais. Acho que é isso que devemos defender" afirmou o lateral brasileiro.

Além de já ter declarado que não quer assumir um papel de vítima, Daniel Alves fez questão de dizer que não pretende ganhar publicidade pela sua atitude em resposta ao ato de racismo.  "Marcas me procuraram, mas eu não quero ganhar com isso, não quero popularidade. Não quero ganhar nada a não ser a luta contra o racismo" completou.

O torcedor que atirou a banana na direção de Daniel Alves foi identificado e punido pelo Villareal, ficando impedido para sempre de assistir aos jogos do time no El Madrigal.

Bookmark and Share