Porto Alegre, quarta-feira, 26 de Novembro de 2014

  • 07/05/2014
  • 12:24
  • Atualização: 12:35

Tenho confiança no grupo e vou até o inferno com ele, diz Felipão

Técnico da Seleção evitou falar em grandes adversários e pediu foco na Croácia

Tenho confiança no grupo e vou até o inferno com ele, diz Felipão  | Foto: Alexandre Loureiro / Vipcomm / CP

Tenho confiança no grupo e vou até o inferno com ele, diz Felipão | Foto: Alexandre Loureiro / Vipcomm / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

Após a divulgar a lista com 23 nomes de jogadores que disputarão a Copa do Mundo de 2014, o técnico da Seleção Brasileira, Luiz Felipe Scolari, reiterou que o Brasil tem a obrigação de conquistar o Mundial dentro de casa. Para a equipe levantar a taça pela sexta vez na sua história, o treinador pediu a empatia do público brasileiro e afirmou que confia muito nos atletas. "Nada mudou depois da Copa das Confederações. Os atletas sabem que temos este dever com a Copa e queremos restabelecer a união com o público. Tenho confiança no grupo e vou até o inferno com ele", disse em entrevista coletiva.

Felipão comentou que no dia 13 de maio terá de apresentar uma lista com 30 jogadores, compostas pelos 23 chamados nesta quarta-feira mais sete atletas que seriam alternativas. O técnico afirmou, no entanto, que não tem a obrigação de convocar nomes que estejam nesta segunda relação. "Se ocorrer algum problema diferente, teremos três ou quatro dias para definir se chamamos A ou B", observou.  

Para o técnico gaúcho, o grande desafio da Seleção na Copa do Mundo é a Croácia, por ser o primeiro adversário do Brasil no Mundial. "Não podemos pensar naqueles que podem ser os adversários finais sem considerar os passos iniciais, que temos que dar até a fase eliminatória. A Croácia é o nosso grande inimigo e assim por diante", disse.    

Sem preocupação com jogadores

Pouco antes da convocação para a Copa do Mundo, alguns jogadores não vivem um bom momento nos seus clubes. Marcelo perdeu espaço para Fábio Coentrão no Real Madrid. A condição física de Oscar foi colocada em xeque pelo técnico José Mourinho e o volante Paulinho tem sido reserva no Tottenham. Felipão afirmou que não tem preocupação com a atual fase dos atletas. "Passo a me preocupar apenas quando eles estiverem comigo. Vamos trabalhar muito a parte física e vamos fazer uma série de exames. A parte técnica dependerá da condição de cada atleta. O Oscar, por exemplo, é um dos melhores jogadores de meio-campo do mundo, independente da opinião de qualquer técnico", salientou. 

Ainda que tenha todo o período de preparação para definir o time que estreia diante da Croácia no dia 12 de junho, em São Paulo, Felipão admitiu que a base da equipe que venceu a Espanha deve ser usada no começo da Copa. "Ainda não sei quem vou escalar. Os jogadores irão me dizer, mas a boa parte daquela formação pode ser repetida", avisou. 


Lista dos convocados:


Goleiros: Julio Cesar (Queens Park Rangers); Victor (Atlético-MG); Jefferson (Botafogo)

Laterais: Daniel Alves (Barcelona), Maicon (Roma), Marcelo (Real Madrid) e Maxwell (PSG)

Zagueiros: Henrique (Napoli), David Luiz (Chelsea), Dante (Bayern), Thiago Silva (PSG)

Meio-campistas: Fernandinho (Manchester City), Hernanes (Inter de Milão), Luiz Gustavo (Wolfsburg) e Paulinho (Tottenham), Ramires (Chelsea), Oscar (Chelsea), e Willian (Chelsea)

Atacantes: Hulk (Zenit), Jô (Atlético-MG), Fred (Fluminense), Neymar (Barcelona) e Bernard (Shakhtar)


/



Bookmark and Share