Porto Alegre, quarta-feira, 17 de Dezembro de 2014

  • 07/05/2014
  • 14:55
  • Atualização: 15:25

Fred destaca sonho de ganhar Copa em casa e lembra Romário e Bebeto

Centroavante será o 9 de Felipão no Mundial

Fred vive a expectativa de ser o 9 na conquista de Copa no Brasil | Foto: Juan Barreto / AFP / CP Memória

Fred vive a expectativa de ser o 9 na conquista de Copa no Brasil | Foto: Juan Barreto / AFP / CP Memória

  • Comentários
  • Lancepress

Feliz, confiante e preparado para ser o camisa 9 da Seleção Brasileira na Copa do Mundo. É assim que está Fred, centroavante confirmado por Luiz Felipe Scolari na lista dos 23 convocados para o Mundial, está se sentindo. Nesta quarta-feira, o jogador concedeu entrevista coletiva nas Laranjeiras após o treino e comentou a expectativa em jogar mais uma Copa, dessa vez como titular.

Confira a lista de convocados

“Felipão tinha falado algumas vezes e mesmo assim cria-se essa expectativa. Ele vai falando um por um. Graças a Deus deu tudo certo. Hoje é um momento especial, é um dia histórico para mim, passa um filme na minha cabeça. Começo a lembrar dos momentos que tive que treinar com meu pai, sair com 9, 10 anos de idade para jogar futebol. Coisa que criança normal não faz. Abri mão muitas vezes para viver esse meu sonho. Isso tudo me fez crescer muito. Sou muito grato ao que Deus fez para mim e que me preparou para receber. Estou muito feliz com isso. A partir de agora, tenho simplesmente que me concentrar no dia a dia no Fluminense. Buscar uma evolução diária, porque assim vou estar me preparando para a Copa do Mundo”, disse.

O jogador também comentou a confiança que recebeu de Felipão desde a Copa das Confederações e disse que espera repetir o bom desempenho que vem tendo com a amarelinha desde que o treinador assumiu. O camisa 9 também lembrou que sempre foi fã de atacantes que se acostumou a ver na Copa do Mundo, como Romário e Bebeto em 94.

“Tenho noção que represento toda essa criançada que joga futebol na escola, que arranca o tampão do dedo no campo de terra. Foi o que eu vivi, foi o que eu passei, é o espelho do Brasil. Por isso que o brasileiro é um povo tão unido, lembro como se fosse hoje, um start maior quando assisti em Teófilo Otoni o Romário e o Bebeto fazendo gols em 94. Tenho certeza que esse título, vai fazer isso com muitas crianças desse país”.


Bookmark and Share