Porto Alegre, sábado, 20 de Dezembro de 2014

  • 08/05/2014
  • 14:10
  • Atualização: 14:20

Técnico Gilson Kleina é demitido do Palmeiras

Treinador não resistiu a derrota para o Sampaio Corrêa, pela Copa do Brasil

Estopim foi a derrota da última quarta-feira | Foto:  Fabiano do Amara l/ CP memória

Estopim foi a derrota da última quarta-feira | Foto: Fabiano do Amara l/ CP memória

  • Comentários
  • Lancepress

Gilson Kleina não é mais técnico do Palmeiras. Em reunião realizada na manhã desta quinta-feira, foi decidido pela cúpula alviverde que ele não seria mantido no cargo. O estopim foi a derrota da última quarta-feira para o Sampaio Corrêa-MA, por 2 a 1, de virada, no Maranhão, pela Copa do Brasil.

A diretoria vinha sofrendo pressão para trocar o comando há algumas semanas. O início instável no Campeonato Brasileiro, com uma vitória, duas derrotas e atuações fracas depois de 17 dias de preparação fizeram com que conselheiros aumentassem o coro contra Kleina.

O presidente Paulo Nobre, o diretor-executivo José Carlos Brunoro e o gerente de futebol Omar Feitosa acreditavam, até essa quarta, que ainda era possível mantê-lo, mas o fraco desempenho do time acabou sendo a gota d'água.

Kleina iniciou seu trabalho em setembro de 2012, substituindo Luiz Felipe Scolari. Ele falhou na missão de evitar o rebaixamento, mas foi mantido por Paulo Nobre, que entrou no lugar de Arnaldo Tirone no começo de 2013. O comandante venceu a Série B com sobras, mas falhou na Copa Sul-Americana de 2012, nos Campeonatos Paulistas de 2013 e 2014 e na Copa do Brasil 2013. Ao todo, foram 105 jogos, 56 vitórias, 20 empates e 29 derrotas.


Bookmark and Share