Porto Alegre, terça-feira, 25 de Novembro de 2014

  • 09/05/2014
  • 08:39
  • Atualização: 11:58

Daniel Alves pede que jovem que lançou banana recupere emprego

Lateral do Barcelona falou sobre ocorrido durante entrevista para rádio catalã Rac1

Lateral do Barcelona falou sobre o ocorrido durante entrevista para a rádio catalã Rac1  | Foto: Fabrice Cofrini / AFP/ CP

Lateral do Barcelona falou sobre o ocorrido durante entrevista para a rádio catalã Rac1 | Foto: Fabrice Cofrini / AFP/ CP

  • Comentários
  • AFP

O lateral brasileiro Daniel Alves, do Barcelona, pediu que o jovem que jogou uma banana em sua direção no campo do Villarreal recupere o trabalho. "Minha única preocupação é que o garoto perdeu o emprego e eu não queria isto. Não queria prejudicar ninguém. Ele fez uma brincadeira e as pessoas ficaram revoltadas", disse o jogador em uma entrevista à rádio catalã Rac1. "Peço que devolvam seu trabalho", disse o jogador brasileiro de 30 anos.

Segundo a imprensa espanhola, o jovem trabalhava com as equipes de base do Villarreal, que proibiu seu acesso pelo resto da vida às instalações e ao estádio do clube. O Villarreal não comentou a questão para proteger a identidade do envolvido, que também pode ser condenado a uma pena de entre um e três anos de prisão pelo ato de racismo.

Durante a entrevista, Alves se mostrou compreensivo com o jovem, que "não sabia o que estava fazendo", afirmou sobre o ocorrido no jogo de 27 de abril em que o Barça derrotou o Villarreal por 3 a 2.

Daniel Alves ameaça deixar o Barcelona

Daniel Alves, bastante criticado nos últimos meses pela torcida, ameaçou abandonar o Barcelona, que encerra uma temporada irregular que provoca dúvidas sobre o futuro da equipe. Depois de um período de muitas conquistas sob o comando do técnico Pep Guardiola (2008-2012), os resultados e especialmente o jogo do Barcelona provocaram duras críticas nas últimas duas temporadas, o que gera boatos sobre a saída de jogadores como o espanhol Cesc Fábregas e Alves.

"Como podem esquecer que estes jogadores realizaram o máximo no futebol? Pois não me dá a gana. Por isto há muitas dúvidas de minha continuidade aqui", afirmou em uma entrevista à rádio catalã Rac1 o brasileiro, que teria sido sondado pelo Paris Saint-Germain.

"Se as pessoas não me aguentam como sou, bem, irei para outro lado", disse Alves, que tem contrato até 2015 e é alvo de muitas especulações. "Doa a quem doer, eu sou parte da história deste clube, da história mais bela (...) Mas preciso de energia, preciso estar contente e feliz", completou o jogador da Seleção Brasileira.

Titular indiscutível desde que chegou ao Barça em 2008, Daniel Alves expressou insatisfação com as críticas feitas ao time na atual temporada, na qual o clube ainda pode conquistar o campeonato espanhol, caso vença o Elche no próximo domingo e o líder, Atlético de Madrid, na última rodada.

Bookmark and Share