Correio do Povo

Porto Alegre, 21 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
14ºC
Amanhã
13º 24º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Grêmio

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

09/05/2014 20:12 - Atualizado em 09/05/2014 21:33

Grêmio nega contato do Boca Juniors por Barcos

Rui Costa, no entanto, disse que clube vai analisar ofertas que chegarem pelo atacante

Grêmio nega contato do Boca Junior por Barcos<br /><b>Crédito: </b> Ricardo Giusti
Grêmio nega contato do Boca Junior por Barcos
Crédito: Ricardo Giusti
Grêmio nega contato do Boca Junior por Barcos
Crédito: Ricardo Giusti

Assim como o atacante Hernán Barcos, o Grêmio nega qualquer tipo de contato do Boca Juniors pelo jogador. Em entrevista à Rádio Guaíba nesta sexta-feira, o diretor executivo do clube, Rui Costa, afirmou que não houve nenhum contato do time argentino com o Tricolor. No entanto, ele não descartou totalmente a possibilidade de venda do camisa 9.

“O Boca é um grande clube, tem uma característica de ousadias em negociações. Mas não teve nenhuma proposta, nem extraoficial. Às vezes ocorre a sondagem paralela, mas não houve”, comentou o dirigente gremista. “Mas se vier uma proposta, a gente vai analisar e ver se interessa. Só que agora não existe nada de concreto”, acrescentou.

Apesar de dizer que respeita o Boca Junior, Rui Costa afirmou que é complicado um clube argentino conseguir arcar despesas com um jogador como o Barcos. “Acho difícil que clubes da Argentina possam competir com os níveis salariais do Brasil atualmente”, alegou.

Questionado sobre a possível saída do meia Maxi Rodríguez, o diretor tricolor reconheceu que houve uma sondagem e que o Grêmio está analisando a sondagem dos cariocas. No entanto, ele rechaçou uma troca do meia uruguaio por Lodeiro. “Não seria uma composição interessante para o Grêmio. Não existe qualquer possibilidade de trocar o Maxi pelo Lodeiro”, reiterou.

O nome de Maxi Rodríguez teve aprovação de Vagner Mancini, que já vem pedindo um atleta mais veloz para o setor ofensivo. O gringo, de 23 anos, tem contrato com o Tricolor gaúcho até a metade de 2017. O Grêmio possui 85% dos direitos econômicos dele. A outra parte é do Montevideo Wanderers, do Uruguai, clube que o formou e onde se destacou antes de vir para o Brasil.

Bookmark and Share

Fonte: Correio do Povo e Rádio Guaíba






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.