Porto Alegre, sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

  • 12/05/2014
  • 16:14
  • Atualização: 16:15

Saída de Jayme deve fazer com que Pelaipe também deixe Flamengo

Diretor-executivo de futebol do Rubro-Negro era favorável a permanência do treinador

  • Comentários
  • Lancepress

A crise no Flamengo está longe do fim. Além da saída de Jayme de Almeida, quem também deve deixar o Rubro-Negro nos próximos dias é o diretor-executivo de futebol, Paulo Pelaipe. O gaúcho entrou em rota de colisão com a diretoria do clube exatamente por conta da maneira como a demissão de Jayme vem acontecendo.

Pelaipe queria a permanência de Jayme de Almeida no comando do time até, pelo menos, a parada para a Copa do Mundo. Entretanto, prevaleceu a vontade do vice de futebol, Wallim Vasconcellos, que inclusive já acertou com Ney Franco, que pediu demissão do Vitória. Essa teria sido a gota d'água na relação. O dirigente chegou a ligar para Jayme na noite deste domingo dizendo que "iria com ele até o fim".

Nos bastidores já se fala no nome de Kleber Leite, ex-presidente do Flamengo nos anos de 1995 a 1998. Ele, inclusive, já teria conversado com o vice de futebol, Wallim Vasconcellos, e o acerto estaria próximo de acontecer. Kleber Leite foi o homem necessário pelo acerto com Ney Franco, substituto de Jayme de Almeida.

Para demitir Paulo Pelaipe o Flamengo não teria de arcar com nenhum valor, já que o contrato dele não prevê uma multa rescisória.

Bookmark and Share