Correio do Povo

Porto Alegre, 24 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
14ºC
Amanhã
14º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Grêmio

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

13/05/2014 11:51 - Atualizado em 13/05/2014 11:52

"Comemoração foi um desabafo", relata Barcos

Centroavante do Grêmio disse que foi xingado o tempo inteiro por torcedores em Chapecó

Barcos (à direita) disse que foi muito xingado na Arena Condá<br /><b>Crédito: </b> Lucas Uebel / Grêmio / CP
Barcos (à direita) disse que foi muito xingado na Arena Condá
Crédito: Lucas Uebel / Grêmio / CP
Barcos (à direita) disse que foi muito xingado na Arena Condá
Crédito: Lucas Uebel / Grêmio / CP

Protagonista da vitória do Grêmio sobre a Chapecoense nesse domingo, o centroavante Barcos relatou nesta terça-feira os motivos que o levaram a comemorar o segundo gol com um gesto provocativo. "Nunca estive em Chapecó e fui xingado o tempo inteiro. A comemoração foi um desabafo meu", disse em entrevista coletiva.

Ao marcar segundo gol do Tricolor, o argentino levou as mãos aos ouvidos, como se tentasse ouvir os gritos dos torcedores adversários. O gesto fez com que o árbitro da partida, Dewson Fernando Freitas da Silva, aplicasse o cartão amarelo. "Eu só comemorei um gol. Não esperava receber o cartão", resumiu. "Eu sempre vou comemorar os gols em respeito aos torcedores que me respeitam", acrescentou.

Os gols de domingo acabaram com o jejum de Barcos, que estava a mais de 30 dias sem marcar pelo Grêmio. O centroavante afirmou que a boa atuação ainda não lhe concedeu alívio para a temporada 2014. "Fiquei mais tranquilo, mas não aliviado, porque aqui sempre existe pressão", observou.  

Bookmark and Share


Fonte: Correio do Povo e Rádio Guaíba






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.