Correio do Povo

Porto Alegre, 23 de Agosto de 2014


Porto Alegre
Agora
14ºC
Amanhã
20º 32º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Grêmio

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

16/05/2014 18:10 - Atualizado em 16/05/2014 18:37

Antes da Copa, Enderson quer se "despedir" bem da torcida

Treinador diz que o jogo deste domingo contra Fluminense é daqueles de "seis pontos"

Enderson projeta jogo de seis pontos contra o Fluminense<br /><b>Crédito: </b> Cristiano Munari / Especial CP
Enderson projeta jogo de seis pontos contra o Fluminense
Crédito: Cristiano Munari / Especial CP
Enderson projeta jogo de seis pontos contra o Fluminense
Crédito: Cristiano Munari / Especial CP

O Grêmio encara o Fluminense neste domingo, às 16h, no último jogo na Arena antes da parada para a Copa do Mundo. Após o treinamento desta sexta-feira, o técnico Enderson Moreira ressaltou que quer se despedir da torcida com vitória e boa atuação. Além disso, o treinador ressaltou a importância de vencer o time carioca num confronto “de seis pontos”.

“A gente quer sempre prestigiar o torcedor com boa atuação e vitória. É isso que a torcida espera da equipe. A gente tem responsabilidade de fazer isso e buscar os três pontos com boa atuação. Já tivemos o apoio do torcedor em Chapecó, a torcida foi fundamental para a nossa vitoria lá. Encaro o campeonato de pontos corridos como decisão em todos os jogos. É evidente que você estando lá em cima e enfrentando um adversário que também está torna o jogo mais importante. É o confronto que chamamos de seis pontos porque você pode vencer e impedir o adversário de pontuar”, analisou Enderson.

O Grêmio está definido para encarar o Fluminense. Sem Edinho, suspenso, e Wendell, que já se despediu do clube, Ramiro e Breno entram na equipe. O restante do time será o mesmo da vitória sobre a Chapecoense por 2 a 1 no domingo. Apesar das mudanças, Enderson acredita que o Tricolor não terá prejuízos no entrosamento.

“O grupo se conhece muito bem. Quando a gente tem uma semana aberta de trabalho, aproveita para buscar acertar a equipe. Se aproveita esse tempo para repetir o que se quer no time nos jogos. A dificuldade de repetir equipe não é um critério meu, é algo que acontece com todos no campeonato e temos que estar preparados para isso”, encerrou.

Bookmark and Share


Fonte: Correio do Povo






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.