Porto Alegre, sexta-feira, 24 de Outubro de 2014

  • 17/05/2014
  • 09:44

Bola parada do Paulo Baier chega a dar calafrios, diz Abel

Técnico disse que Inter deve atuar como primeiro colocado contra Criciúma

Abel prevê Criciúma mordido contra o Inter | Foto: Luiz Felipe Mello / Especial CP

Abel prevê Criciúma mordido contra o Inter | Foto: Luiz Felipe Mello / Especial CP

  • Comentários
  • Luiz Felipe Mello / Correio do Povo

Assim como o vice-presidente Marcelo Medeiros, que não espera um jogo fácil contra o Criciúma, o técnico Abel Braga, considera o duelo deste domingo, às 18h30min, muito perigoso. Um dos motivos reside nas cobranças de falta do veterano Paulo Bayer. “Cada falta nossa perto da área será um problema. A bola parada do Paulo (Baier) chega a dar calafrios”, alertou ele, em entrevista coletiva nessa sexta-feira.

Segundo Abel, a goleada do Botafogo sobre o Criciúma na última rodada do Brasileirão aumentou o grau de dificuldade da partida do final de semana. “Eu espero um time mordido, até porque as goleadas no Brasileirão não são tão comuns”, afirmou.

O técnico do Inter negou que a equipe tenha a obrigação de vencer no domingo. Abel disse, no entanto, que o Colorado precisará adotar uma postura de quem está disposto a vencer. “Dependendo do jogo, às vezes um empate fica de bom tamanho, mas nós vamos manter a nossa maneira de jogar. Será preciso atuar como primeiro colocado. Vamos sair para vencer”, prometeu.

Bookmark and Share