Correio do Povo

Porto Alegre, 1 de Setembro de 2014


Porto Alegre
Agora
15ºC
Amanhã
15º 22º


Faça sua Busca


Esportes > Futebol > Inter

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

19/05/2014 09:01 - Atualizado em 19/05/2014 09:14

Medeiros nega decepção por empate, mas diz que Inter pode render mais

Dirigente afirmou que equipe deve transformar cada partida em decisão

Medeiros nega decepção por empate e diz que Inter pode render mais <br /><b>Crédito: </b> Alexandre Lops / Inter / Divulgação CP
Medeiros nega decepção por empate e diz que Inter pode render mais
Crédito: Alexandre Lops / Inter / Divulgação CP
Medeiros nega decepção por empate e diz que Inter pode render mais
Crédito: Alexandre Lops / Inter / Divulgação CP

O vice-presidente de futebol do Inter, Marcelo Medeiros, negou que o empate em 0 a 0 com o Criciúma tenha sido decepcionante para o time. O dirigente exaltou o desempenho do adversário, que conseguiu segurar a pressão colorada com um homem a menos. "A gente sabe que poderia render mais. Queríamos os três pontos, mas enfrentamos um adversário que vinha de goleada impactante. O sistema defensivo do Criciúma teve méritos", disse em entrevista coletiva nesse domingo.

Medeiros comentou que o jogou foi bastante disputado e o Criciúma dificultou as ações do Inter porque sentia a obrigação de evitar uma nova derrota. "Eles não queriam perder. Isto era fundamental para eles. Acho que o jogo foi pegado para os dois lados. Além disso, jogamos sem três atletas. Sempre penso que quando você joga fora e não perde, é porque você conquista um ponto", analisou.

Para o dirigente, o Inter não deve estabelecer uma meta de pontuação até a parada para a Copa do Mundo. "Isto na realidade é um projeto e ainda você tem que combinar com os adversários. A saída é fazer de cada partida uma decisão. Neste sentido, de busca pela vitória e de dedicação, a equipe está mostrando o que nós esperávamos", explicou.

Estreia e reforços

Medeiros mostrou-se satisfeito com a estreia de Wellington, contratado por empréstimo junto ao São Paulo. "É um jogador de time grande. Chegou ao Inter e treinou com muito profissionalismo e dedicação. Estávamos trabalhando com a perspectiva de contratá-lo e, quando a oportunidade se apresentou, a diretoria teve agilidade para trazê-lo", recordou. 

Sobre a chegada de reforços, Medeiros reiterou que a ideia do Inter é trazer até três novos jogadores. O dirigente não quis detalhar nomes e preferiu comentar que o clube precisa ficar atento ao prazo da janela de transferências. "O atleta que chegar ao Inter será preparado durante a pausa do Campeonato Brasileiro. Temos que continuar trabalhando, reforçar grupo e dar oportunidade para quem vem da base", projetou.

Bookmark and Share



Fonte: Correio do Povo e Rádio Guaíba






O que você deseja fazer?


Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.