Porto Alegre, sábado, 29 de Novembro de 2014

  • 21/05/2014
  • 22:41
  • Atualização: 22:47

Abel elogia bravura do time e reclama do pênalti marcado para Coxa

Técnico do Inter se mostrou satisfeito com desempenho do time do Inter no Couto Pereira

Inter e Coritiba ficaram no 1 a 1 no Couto Pereira | Foto: Alexandre Lops / Divulgação Inter / CP

Inter e Coritiba ficaram no 1 a 1 no Couto Pereira | Foto: Alexandre Lops / Divulgação Inter / CP

  • Comentários
  • Correio do Povo

O técnico colorado Abel Braga ficou com dois sentimentos em relação ao empate em 1 a 1 com o Coritiba nesta noite no Couto Pereira. Feliz pela atuação da equipe, que iniciou a partida sem sete titulares e ainda perdeu mais três jogadores por lesão, ele se mostrou irritado com o pênalti marcado a favor do Coxa e que resultou no gol de Alex.

“Primeiro quero fazer uma ressalva a esses jogadores. Hoje li que jogaríamos com time misto, como se fôssemos perder. Já estou acostumado com esses lances. Normalmente, quem marca pênalti contra nós é o árbitro de trás do gol. Você vê o lance e é claro que o Keirrison não toca na bola. É lamentável porque esses garotos mereciam uma sorte melhor”, disse Abel logo no começo de sua entrevista coletiva após a partida.

“Mesmo assim, mantivemos a invencibilidade do ano e no campeonato. Se perdermos a liderança, vai ser por um ponto. Esse árbitro é muito bom, já cansei de elogiar. Ele foi na conversa do árbitro de trás. Saio orgulhoso do nosso time. Nos tiraram a vitória de maneira até brutal. Foi muito clara jogada não ter sido pênalti para ter sido assinalado”, seguiu o treinador colorado.

Apesar de se mostrar satisfeito com o desempenho dos garotos que entraram no time, Abel ressaltou que faltou experiência para o time matar a partida em contra-ataques que teve ainda quando tinha a vantagem do placar. “Nós poderíamos até ter decidido o jogo. Tivemos contra-ataque de três contra dois, onde a última opção não foi a melhor. Mas os meninos entraram e deram conta do recado. Claro que o nosso time mudou a características. Ganhou velocidade, mas perdeu dois jogadores que organizam, Alex e Alan Patrick. Por isso nós rodamos menos a bola”, analisou.

Bookmark and Share


TAGS » Futebol, Inter, Esporte